Porto Velho (RO) sábado, 23 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Educação

Rondônia busca parceria educacional com o Canadá


Brasília - Por intermédio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), o governo do Estado de Rondônia pretende ampliar os programas de parcerias educacional, turística, cultural e de pesquisa com outros países. O intercâmbio é uma das alternativas para aproximar geograficamente culturas distintas, e com essa premissa, o secretário Emerson Castro deu prosseguimento a essa agenda. Na última  quarta-feira (29), reuniu-se com a ministra conselheira e chefe da Seção Política do Governo do Canadá, Anna Karine Asselin.

Emerson Castro destacou as potencialidades de Rondônia, da diversidade cultural, dos avanços da educação no Estado e do desejo do governador Confúcio Moura em ampliar um leque de parcerias com governos que buscam benefícios mútuos para a população.

Anna Karine disse que a educação é uma área chave para essa aproximação e destacou o Canadá como um dos principais países parceiros com o Brasil no programa Ciência sem Fronteira. “hoje temos sete mil brasileiros estudando no Canadá e queremos ampliar esse número”, destacou a ministra conselheira do Governo do Canadá. Ela afirmou que a parceria com vários governos estaduais brasileiros estão acontecendo, e citou como exemplo os Estados de Pernambuco, Minas Gerais e Piauí.

Emerson Castro enfatizou que o governo do Estado visa fortalecer a educação não apenas focando para a realidade regional, mas também buscando inserir os alunos no contexto mundial. “Nós não podemos falar de um estado isolado, não apenas isolado na região Norte ou em um país na América do Sul, num mundo em que a internet nos aproxima, e que a velocidade da informação nos coloca em pé de igualdade com qualquer outro país. Para que isso se torne a realidade no dia a dia, nós precisamos lançar as sementes no alunado, nos jovens que vão ser os adultos que estarão tocando o futuro no Estado de Rondônia”, assevera.

A representante da Embaixada Canadense se mostrou bastante entusiasmada pelo fato de o Brasil ser o segundo destino para intercâmbios educacionais. “Nesse sentido já há uma cultura de receber o brasileiro, e queremos que o Estado de Rondônia seja inserido nesse processo de intercâmbio”, disse.

Participaram também da reunião Cristian Gour, segundo secretário para assunto políticos do Canadá e Luiz Miguel da Rocha, assessor para assuntos de educação da Embaixada Canadense no Brasil.

Fonte: Zózimo Macêdo

Mais Sobre Educação

6ª Olimpíada de Língua Portuguesa é lançada e recebe inscrições

6ª Olimpíada de Língua Portuguesa é lançada e recebe inscrições

Uma cerimônia com homenagens e muita emoção marcou o lançamento na última quarta-feira (20) da 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa, no Auditório Guajuvi

Acadêmicos do curso de Biomedicina realizam triagens no projeto "Posso escolher"

Acadêmicos do curso de Biomedicina realizam triagens no projeto "Posso escolher"

Nesta quarta-feira (21), acadêmicos do curso de Biomedicina da FIMCA participaram do projeto "Posso escolher", realizado pela Prefeitura de Porto Velh

ONU declara, 2019 será  o Ano Internacional das Línguas Indígenas

ONU declara, 2019 será o Ano Internacional das Línguas Indígenas

Iniciativas apoiadas pela Fundação Banco do Brasil reforçam a relevância dos povos na história, cultura e preservação do meio ambienteA ONU (Organizaç

“Nossas experiências irão nos alavancar por este novo mundo”, afirma formanda durante segunda noite de colação de grau da FIMCA

“Nossas experiências irão nos alavancar por este novo mundo”, afirma formanda durante segunda noite de colação de grau da FIMCA

Aconteceu na última sexta-feira (15) o segundo e último dia de colação de grau da Faculdade FIMCA, realizado na Vila Olímpica do campus. O momento foi