Porto Velho (RO) quarta-feira, 18 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Educação

Professores da Unir suspendem greve e negociações continuam


Durante assembleia geral extraordinária na tarde desta quarta – feira, 5, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia, a Associação dos Docentes da Universidade Federal de Rondônia ( Adunir) decidiu suspender a greve de professores que teve inicio no último dia 14 por melhoria na infraestrutura da instituição de ensino superior.

A reunião foi convocada para discutir o fim da greve. Na oportunidade, foi discutido e aprovado pela maioria absoluta dos 99 professores presentes, com apenas uma abstenção, o término do movimento grevista, além da destituição do comando de greve e a instituição de um comando de negociação junto a Reitoria e ao Ministério da Educação para análise e deliberação das principais reivindicações da comunidade acadêmica.

Entre os argumentos apresentados pelos docentes para pôr um fim a paralisação das aulas, estão: a manutenção da ordem no ambiente acadêmico e respeito as instituições constituídas.

O encontro estava previsto para acontecer no auditório do Ifro como havia sido acertado previamente, mas de última hora a direção do instituto não autorizou o acesso dos professores que acabaram se reunidno na calçada do prédio.

Ao se manifestar na assembleia, o professor Antônio Carlos Maciel destacou a importância da democracia. “Num ambiente, onde difundimos a educação é imprescindível buscarmos soluções para os problemas apontados da forma mais sensata possível”, frisou o docente.

Diante do anúncio do fim do movimento grevista, o reitor Januário Amaral garantiu que vai manter o diálogo com a comunidade acadêmica no sentido de dar continuidade ao encaminhamento das principiais reivindicações de alunos e professores, visando a busca de melhorias para a universidade. “Nossa gestão sempre foi democrática e temos que nos unir em prol da instituição”, disse o reitor.

Na próxima segunda – feira as atividades da Unir voltam a normalidade. A greve foi deliberada por 29 professores. O fim do movimento grevista é resultado de um consenso entre 98 docentes.

A greve não atingiu todos os campi da Unir, tendo em vista que as aulas continuaram normalmente em Guajará – Mirim, Cacoal, Presidente Médici, Vilhena, além de alguns cursos de Ariquemes, Ji – Paraná e Porto Velho .

Fonte: João Albuquerque
 

Mais Sobre Educação

 Colégio Sapiens abre inscrições para Concurso de Bolsas com vagas para 2020

Colégio Sapiens abre inscrições para Concurso de Bolsas com vagas para 2020

As famílias que querem matricular seus filhos no Colégio e Curso Sapiens em 2020 e gostariam de descontos de até 100% nas mensalidades esperam o ano

Inscrições para o vestibular de Medicina da Faculdade Metropolitana já estão abertas

Inscrições para o vestibular de Medicina da Faculdade Metropolitana já estão abertas

A Faculdade Metropolitana conta com um novo Curso para esse segundo semestre de 2019, trata-se do curso de Medicina que passa a integrar o Núcleo de S

Sebrae e Sicoob apoiam a Educação Empreendedora

Sebrae e Sicoob apoiam a Educação Empreendedora

As escolas 21 de Abril e Branca de Neve receberam apostilas preparatórias das diretorias do Sebrae e do Sistema de Cooperativas de crédito (Sicoob), q

Últimos dias para a inscrição de propostas para o Festival Unir Arte e Cultura 2019

Últimos dias para a inscrição de propostas para o Festival Unir Arte e Cultura 2019

A Pró- Reitoria de Cultura, Extensão e Assuntos Estudantis (PROCEA) da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) está com as inscrições abertas