Porto Velho (RO) segunda-feira, 29 de novembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

Prefeitura homenageia professores de Porto Velho


A prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Educação (Semed), homenageou os professores Francisco Marquelino Santana e Roberto Ataíde. Os educadores tiveram seus projetos aprovados no concurso “Aprender e Ensinar Tecnologias Sociais”, realizado em nível nacional pela Fundação Banco do Brasil em parceria com a Revista Fórum. A homenagem foi realizada no Teatro Banzeiros, na tarde de ontem quarta-feira (20).

O vice-prefeito de Porto Velho, Dalton Di Franco, o secretário municipal de educação, Marcos Rocha e o gerente de mercado do Banco do Brasil, Rodrigo Nogueira participaram da solenidade. Na ocasião, cada um dos educadores recebeu como prêmio um tablet (computador portátil). O projeto deles concorreu com cerca de cinco mil trabalhos de todo o Brasil. Caso sejam os vencedores na etapa nacional, participarão da fase internacional, na Tunísia.

Dalton Di Franco enalteceu os professores pela iniciativa de buscar a aplicação de novas tecnologias sociais com objetivo de melhorar a vida das pessoas. Também destacou o trabalho realizado pela Fundação Banco do Brasil, que busca não apenas descobrir novos talentos, mas sobretudo valorizá-los por suas ideias inovadoras. “Todos estão de parabéns”, ressaltou.

Além de parabenizar os professores, Rodrigo Nogueira declarou que o objetivo do prêmio é solucionar projetos que apresentem ideias e propostas que possam ampliar a cultura e o alcance da educação no Brasil. Outro ponto importante, na visão do representante do Banco do Brasil, é que o concurso motiva os educadores a valorizarem o que é seu e não ignorar o que há de bom em sua comunidade.

Projetos

Francisco Marquelino, lotado na Escola Municipal 13 de Maio, no distrito de Extrema, próximo da fronteira com o Acre, apresentou o projeto intitulado “Coral do Jeito da Gente”, cujo objetivo é combater o preconceito linguístico. O professor ensina aos alunos o que chama de “língua entrelaçada”. Com isso, os integrantes do coral aprendem as músicas utilizando ao mesmo tempo o português e o Kaxarari, que é a língua falada por uma tribo do mesmo nome que habita a região.
Por sua vez, Roberto Ataide apresentou projeto que prevê a construção de um viveiro de plantas ornamentais nativas. Utilizando os conhecimentos dos moradores do distrito de Abunã, também sentido Acre, pretende cultivar as espécies na própria escola e depois expandir para comunidade, com foco na geração de renda e melhoria da qualidade de vida da população.

Fonte: Augusto José
 

Mais Sobre Educação

IFRO publica edital para abertura do Concurso Público para preenchimento de 41 vagas na instituição

IFRO publica edital para abertura do Concurso Público para preenchimento de 41 vagas na instituição

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO) divulgou nesta quarta-feira, 24/11/2021, na Seção 3 do Diário Oficial da Un

Hildon Chaves anuncia bonificação de fim de ano aos professores durante Congresso Municipal de Educação

Hildon Chaves anuncia bonificação de fim de ano aos professores durante Congresso Municipal de Educação

O V Congresso Municipal de Educação iniciou, nesta quarta-feira (24), em Porto Velho. O evento reúne mais de 5 mil professores e diretores escolares p

Pais e responsáveis sem acesso à internet podem participar da chamada escolar de forma presencial em Porto Velho

Pais e responsáveis sem acesso à internet podem participar da chamada escolar de forma presencial em Porto Velho

Pais e responsáveis sem acesso à internet, ou com dificuldades de manuseio de aparelho eletrônico, podem buscar, até a próxima sexta-feira (26), um do

Vencedores do prêmio Boas Práticas são anunciados durante Congresso Municipal de Educação em Porto Velho

Vencedores do prêmio Boas Práticas são anunciados durante Congresso Municipal de Educação em Porto Velho

Os dez vencedores da 3ª edição do prêmio Boas Práticas foram reconhecidos nesta quarta-feira (24). A premiação aconteceu durante a solenidade de abe