Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

Ministro da Educação recua e agora fala em ampliar Fies


Ministro da Educação recua e agora fala em ampliar Fies - Gente de Opinião

Mariana Tokarnia - Repórter da Agência Brasil

O ministro da Educação, Mendonça Filho, disse hoje (23) que manterá e ampliará o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). “Diferentemente do que foi anunciado nos jornais de hoje, haverá preservação e novas vagas”, disse o ministro em entrevista coletiva convocada para apresentar o balanço de inscrições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

“Estamos ainda há pouco mais de uma semana à frente do Ministério da Educação. Estamos realizando levantamento amplo a respeito dos compromissos orçamentários e financeiros.” Mendonça Filho disse que as vagas serão criadas ainda este ano, mas que ainda não é possível anunciar um número. “Peço apenas um pouco mais de tempo.”

Diante dos rumores de cortes nos programas, a Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) divulgou nota em que repudia veementemente “a suspensão ou a diminuição dos programas sociais como o Fies e Pronatec, que são de extrema importância para o desenvolvimento do país, e que, caso tal decisão fosse tomada pelo Ministério da Educação, o governo interino estaria cometendo o mesmo estelionato eleitoral que o governo anterior cometeu”.

Sobre o Programa Universidade para Todos (ProUni), Mendonça Filho disse que a iniciativa “tem uma lógica própria de abertura de vagas de acordo com o compromisso fiscal de instituições de ensino superior”.

Atualmente, o setor privado representa 74% do total de 7,8 milhões de matrículas no ensino superior, de acordo com o último Censo da Educação Superior. Cerca de 40% das matrículas nas instituições particulares são de estudantes beneficiados pelo ProUni ou Fies.

Em relação ao Pronatec, de acordo com o ex-ministro da Educação Aloizio Mercadante, um acordo com o Sistema S e com instituições federais vai permitir a oferta de 2 milhões de vagas. O acordo ainda precisa ser assinado e formalizado juridicamente, tarefa que caberá a Mendonça Filho.

As inscrições para as novas vagas do Pronatec seriam abertas no dia 15 de maio, mas o processo foi interrompido pelo afastamento da presidenta Dilma Rousseff. “Estamos perdendo um tempo precioso”, disse o Mercadante. “Há restrições orçamentárias, mas é possível fazer parceria e, com soluções criativas, avançar na educação".

Mais Sobre Educação

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Foi prorrogada até o dia 20/12/2021 a seleção de alunos que ingressarão no primeiro semestre de 2022 no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tec

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

Aqueles que almejam oportunidade de fazer um curso gratuito para se qualificar profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de R

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

Uma completa renovação dos parquinhos das escolas municipais foi providenciada neste ano para acontecer em breve. A Secretaria Municipal de Educação

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Buscando garantir o desempenho dos estudantes dentro da sala de aula, a Prefeitura de Porto Velho desenvolve um programa para a reparação da visão a a