Porto Velho (RO) terça-feira, 7 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

Lei Maria da Penha fará parte do conteúdo escolar


O secretário de Educação, Emerson Castro, participou da abertura do curso de capacitação para professores e gestores educacionais, realizado na Escola Major Guapindaia, nesta quarta-feira (23), em Porto Velho. O curso tem por objetivo formar multiplicadores para ensinar a Lei Maria da Penha aos alunos da rede pública de ensino a partir do próximo ano. Cerca de 200 profissionais participam do curso.

Para a orientadora educacional da escola Daniel Neri, Gilmara Aguiar, o tema é bem relevante. “É uma nova forma de levar o conhecimento sobre esse assunto aos nossos alunos. Afinal de contas, muitos podem viver essa realidade em suas casas, vizinhos e amigos. Acho que a partir de hoje temos uma grande responsabilidade em formar uma nova geração, de homens mais conscientes e, assim, diminuir o índice de violência contra a mulher”, avalia Gilmara.

Durante seu pronunciamento, o secretário de Educação, Emerson Castro, afirmou ser totalmente contra qualquer tipo de violência contra a mulher e a favor de meios que diminuam esse tipo de crime. “Achei muito importante essa iniciativa da deputada Epifânia e prontamente firmei parceria para que os alunos da rede pública de ensino do Estado possam ter um conhecimento maior sobre a Lei Maria da Penha e assim formar cidadãos mais conscientes. Esse é o nosso papel como gestor da Educação”, afirma Emerson.

A Lei Estadual 2.617, de 4 de Novembro de 2011,de autoria da deputada Epifânia Barbosa, dispõe sobre a campanha continuada de repúdio a crimes de violência praticados contra a mulher.

Com o apoio da Seduc, a lei passará a ser conteúdo curricular e será levado de forma didática o conhecimento jurídico aos alunos a partir do 6º ano do ensino fundamental. “É importante que esses jovens saibam de maneira mais aprofundada sobre essa lei; a penalização aos homens que cometem esse crime que a mulher saiba sobre seus direitos quando acometida dessa violência”, disse a deputada.

De acordo com dados do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea/2009/11), Rondônia está em 7º lugar no ranking nacional dos Estados com maior índice de violência contra a mulher e Porto Velho é a capital com maior numero de casos de homicídios, sendo 40% cometidos pelos próprios companheiros.

Fonte: Deane Araújo / Decom

 

Mais Sobre Educação

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Foi prorrogada até o dia 20/12/2021 a seleção de alunos que ingressarão no primeiro semestre de 2022 no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tec

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

Aqueles que almejam oportunidade de fazer um curso gratuito para se qualificar profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de R

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

Uma completa renovação dos parquinhos das escolas municipais foi providenciada neste ano para acontecer em breve. A Secretaria Municipal de Educação

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Buscando garantir o desempenho dos estudantes dentro da sala de aula, a Prefeitura de Porto Velho desenvolve um programa para a reparação da visão a a