Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

Herbário da São Lucas é referência na Amazônia


Primeiro herbário de Rondônia, fundado no dia 18 de outubro de 2002, o Herbário Dr. Ary Tupinambá Pinheiro, da Faculdade São Lucas, possui atualmente uma coleção de 6.942 exemplares registrados e uma coleção Micológica com 480 exemplares de fungos, devidamente identificados por especialistas. Com fins científicos e didáticos, o Herbário da Faculdade São Lucas tem como curadora a Professora Mestre Ana Cristina Ramos de Souza e encontra-se cadastrado pela Rede Brasileira de Herbários (Sociedade Botânica do Brasil), indexado sob o acrônio HFSL pelo Index Herbariorum (The New York Botanical) desde 2008. Desde 2009, o Herbário da Faculdade São Lucas participa do Projeto Resgate e Integração de Dados Botânicos para a Conservação do Sudoeste da Amazônia, que envolve Rondônia e Acre (Brasil), Bolívia, Peru e Nova Iorque (Estados Unidos). Ainda participa da rede species Link – Herbário Virtual da Flora e dos Fungos / CRIA (Centro de Referência em Informação Ambiental), através do INCT (Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia) com as coleções do Herbário e a coleção Micológica.

Com o INPA (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia) o Herbário da São Lucas firmou parceria e recebe doações de exemplares botânicos, e também participa do Programa de Pesquisas da Biodiversidade, o PPBio, obtendo capacitações sobre banco de dados da coleção. Desde 2009 participa do projeto Reflora, junto ao INPA, com pesquisas e com as coleções (banco de dados). O Herbário também está inserido no Sistema Brahms ((Botanical Research And Herbarium Management System). Atualmente os dados do Herbário da Faculdade São Lucas estão totalmente informatizados através deste Programa. Além das capacitações para o Brahms, o Herbário recebe também uma bolsa para um estagiário exclusivamente para manutenção do Sistema Brahms (implantação e atualização do banco de dados). Ao longo desses 10 anos, o Herbário produziu mais de 20 trabalhos científicos que foram apresentados em congressos e seminários nacionais. O Herbário dispõe ainda de uma biblioteca com várias obras, dicionário de plantas, livros, teses diversas, várias referências bibliográficas especificas, além de periódicos e separatas, algumas doadas por instituições de pesquisa nacionais. “Ao longo deste tempo fizemos uma história e conseguimos grandes avanços com parcerias e convênios firmados com instituições renomadas na área”, destaca a curadora Ana Cristina Ramos de Souza.

Fonte: Chagas Pereira
 

Mais Sobre Educação

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Foi prorrogada até o dia 20/12/2021 a seleção de alunos que ingressarão no primeiro semestre de 2022 no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tec

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

Aqueles que almejam oportunidade de fazer um curso gratuito para se qualificar profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de R

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

Uma completa renovação dos parquinhos das escolas municipais foi providenciada neste ano para acontecer em breve. A Secretaria Municipal de Educação

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Buscando garantir o desempenho dos estudantes dentro da sala de aula, a Prefeitura de Porto Velho desenvolve um programa para a reparação da visão a a