Porto Velho (RO) domingo, 17 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Educação

Greve dos professores da Unir vai completar 2 meses dia 17


Enquanto o Governo Federal se retrai e não abre negociação, o movimento grevista dos professores das Instituições de ensino superior no Brasil prossegue sua mobilização buscando ver atendidas suas reivindicações. A paralisação dos professores das universidades federais por melhores condições de trabalho, contratação de mais pessoal e reestruturação das universidades atingem cerca de 90 por cento das federais.

Em Rondônia, a paralisação dos docentes da Universidade Federal de Rondônia (Unir) vai completar dois meses daqui a 10 dias e o Comando de Greve está preparando uma programação especial para este aniversário.

No próximo dia 17, o Comando de Greve dos professores da Unir vai realizar uma assembléia geral extraordinária, a partir das 9h, em frente ao portão de entrada do Campus José Ribeiro Filho, em Porto Velho. Durante o ato, serão repassados informes sobre as negociações, os rumos que movimento deve manter enquanto não se chega a um acordo com o Ministério da Educação e manifestação de vários integrantes da Associação dos Docentes da Unir (Adunir).

No caso de Rondônia, que tem na Universidade Federal de Rondônia sua única instituição pública de ensino superior, os professores reivindicam novo plano de carreira com incorporação de gratificações, contratação de novos técnicos e melhorias na infra-estrutura da universidade. “Várias unidades estão com as estruturas precárias que precisam ser demolidas para que sejam reconstruídas, tal o nível de deterioração a que se chegou”, aponta o presidente da Associação dos Docentes da Unir, professor Delson Barcelos Xavier.

Feijoada

A programação de dois meses de greve dos professores da Unir – data que lamentamos ter de comemorar, enfatiza o presidente da Adunir, Delson Barcelos Xavier – terá a participação dos servidores das áreas técnicas da Unir que também entraram em greve, dos acadêmicos e do pessoal do Instituto Federal de Educação, também em greve.

O evento será animado pela banda “Negocia Dilma” e no horário do almoço será servida uma feijoada, proporcionando uma grande confraternização entre professores, técnicos, acadêmicos e pessoal do IFRO.

Fonte: Adunir

Mais Sobre Educação

“Nossas experiências irão nos alavancar por este novo mundo”, afirma formanda durante segunda noite de colação de grau da FIMCA

“Nossas experiências irão nos alavancar por este novo mundo”, afirma formanda durante segunda noite de colação de grau da FIMCA

Aconteceu na última sexta-feira (15) o segundo e último dia de colação de grau da Faculdade FIMCA, realizado na Vila Olímpica do campus. O momento foi

Campus Vilhena do IFRO oferta cursos gratuitos nas áreas  de espanhol, francês e italiano

Campus Vilhena do IFRO oferta cursos gratuitos nas áreas de espanhol, francês e italiano

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Vilhena, abre inscrições para os cursos de Formação Inicial e Conti

Senai oferece cursos gratuitos de  aprendizagem industrial na Capital

Senai oferece cursos gratuitos de aprendizagem industrial na Capital

Inscrições em cursos de aprendizagem industrial básica estão abertas e 70 vagas estão disponíveisEstudantes com idade mínima de 14 anos e cursando a p

Primeira noite de colação de grau da FIMCA é marcada por agradecimentos

Primeira noite de colação de grau da FIMCA é marcada por agradecimentos

Na última quinta-feira (14) a FIMCA teve a honra de realizar a colação de grau dos formandos dos cursos de Administração Agronomia, Biomedicina, CIênc