Porto Velho (RO) terça-feira, 7 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

Especialistas da UFAC visitam herbário da São Lucas



Equipe composta por Marcos Silveira, Doutor em Ecologia e Pesquisador da UFAC (Universidade Federal do Acre), Flávio Obermuller, Mestre em Ecologia na UFAC, e Heloísa Polary e Dayane Almeida, acadêmicas do curso de Biologia da UFAC, esteve semana passada em Porto Velho para conhecer o acervo do Herbário “Dr. Ary Tupinambá Peña Pinheiro” da Faculdade São Lucas, um dos mais importantes da Amazônia. O pesquisador Marcos Silveira disse que a visita faz parte de projeto desenvolvido em parceria entre a Universidade Federal do Acre e o Jardim Botânico de Nova Iorque, que busca promover a integração de todas as coleções de botânicas do sudoeste da Amazônia. Segundo Silveira, existe uma preocupação muito grande quanto aos dados de coleções existentes na região para a integração entre os herbários, especialmente quanto à informatização dos dados.

As alunas Heloísa Polary e Dayane Almeida são especialistas em Brahms (sistema de gestão flexível e poderosa base de dados para pesquisadores botânicos e herbários, que oferece funcionalidades inovadoras para montar, gerir, editar, analisar e publicar seus dados), e dão suporte para banco de dados único da flora no sudoeste amazônico. O processo de unificação do banco de dados da flora do sudoeste amazônico envolve os estados de Rondônia e Acre, parte do Amazonas, além do Peru e Bolívia. De acordo com Flávio Obermuller, a estimativa é de que em torno de 100 mil registros botânicos estejam integradas à base de dados unificada em 10 herbários de instituições governamentais e privadas. “O importante mesmo é o intercâmbio entre as instituições”, frisou Obermuller, informando que neste mês de setembro o herbário da UFAC receberá alunos dos cursos de Biologia da Faculdade São Lucas e da Universidade Federal de Rondônia.

O pesquisador Marcos Silveira disse que o convênio com a Fundação JRS, dos Estados Unidos, foi firmado em 2009 e deve se estender até 2013 e no sudoeste da Amazônia envolve em torno de 25 profissionais da área de Botânica e alunos das instituições parceiras. Em uma semana a equipe produziu em torno de 7 mil fotos de espécies catalogadas no acervo do herbário da Faculdade São Lucas, que possui uma média de 6 mil registros. Além da informatização dos dados do herbário, os pesquisadores Marcos Silveira e Flávio Obermuller também ministraram palestra, no Anfiteatro 4 do Campus Universitário da São Lucas, para alunos do curso de Ciências Biológicas, acompanhados do professor Narcísio Biggio, da Universidade Federal de Rondônia.

Fonte: Chagas Pereira

Mais Sobre Educação

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Prorrogadas as inscrições de seleção do IFRO para o primeiro semestre de 2022

Foi prorrogada até o dia 20/12/2021 a seleção de alunos que ingressarão no primeiro semestre de 2022 no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tec

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

Aqueles que almejam oportunidade de fazer um curso gratuito para se qualificar profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de R

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

Uma completa renovação dos parquinhos das escolas municipais foi providenciada neste ano para acontecer em breve. A Secretaria Municipal de Educação

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Buscando garantir o desempenho dos estudantes dentro da sala de aula, a Prefeitura de Porto Velho desenvolve um programa para a reparação da visão a a