Porto Velho (RO) domingo, 5 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

Egressa da São Lucas tem trabalho indicado ao Prêmio Excelência em Audiologia


O trabalho de conclusão de curso da egressa Ísis Dutra, intitulado “Relação da Malária na Gestação com Alterações Auditivas nos Neonatos”, orientado pela professora Fernanda Aurélio, foi selecionado para concorrer ao Prêmio Excelência em Audiologia no 29º Encontro Internacional de Audiologia, que será realizado de 13 a 16 de abril na cidade de Florianópolis/SC. O trabalho destaca que a ocorrência da malária durante a gestação é comum nas áreas endêmicas, cuja incidênciaEgressa da São Lucas tem trabalho indicado ao Prêmio Excelência em Audiologia - Gente de Opinião é mais acentuada nos estados de Roraima, Rondônia, Pará, Mato Grosso, Acre e Amazonas, particularmente no último trimestre gestacional, que pode ser determinante para a saúde infantil, resultando em implicações no desenvolvimento fetal ou neonatal. Os parasitas da malária podem atravessar a barreira placentária, ou ser transmitido através da transfusão materno-fetal. Estudo desenvolvido no município de Porto Velho revelou perda auditiva neurossensorial de grau leve unilateral em dois recém-nascidos de mães que tiveram malária e fizeram uso do antimalárico na gestação.

Outro estudo identificou doze crianças, cujas mães haviam sido tratadas com antimaláricos durante a gestação, com perda auditiva neurossensorial, dentre as quais sete apresentaram perda auditiva de grau profundo. Assim, o estudo teve por objetivo verificar a relação entre malária e uso de antimaláricos na gestação com alterações auditivas nos neonatos e caracterizar seus os achados audiológicos quanto à idade gestacional, peso ao nascimento, indicadores de risco para a deficiência auditiva (IRDA), tipo de infecção, medicamento utilizado e período gestacional de ocorrência da malária e do tratamento medicamentoso, além de descrever as alterações auditivas encontradas.

O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa e realizado na maternidade do Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro, onde é desenvolvido o Programa de Triagem Auditiva Neonatal (TAN), sob responsabilidade da Clínica Limiar, credenciada ao Sistema Único de Saúde (SUS), local onde é realizado o diagnóstico e a intervenção. Isis Dutra disse que ficou muito contente quando soube que o seu trabalho havia sido aprovado para o 29º Encontro Internacional de Audiologia e muito mais por ter sido indicado ao Prêmio Excelência em Audiologia. “É muito gratificante quando temos o nosso trabalho reconhecido e muito mais porque certamente irá contribuir para que outros profissionais e acadêmicos tenham mais informações sobre a incidência da malária na vida das pessoas, especialmente aqui na Amazônia”, disse a fonoaudióloga formada pela Faculdade São Lucas, destacando o apoio que sempre recebeu da coordenação e do corpo docente do curso.  

Jornalista Chagas Pereira

Mais Sobre Educação

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

Aqueles que almejam oportunidade de fazer um curso gratuito para se qualificar profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de R

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

Uma completa renovação dos parquinhos das escolas municipais foi providenciada neste ano para acontecer em breve. A Secretaria Municipal de Educação

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Buscando garantir o desempenho dos estudantes dentro da sala de aula, a Prefeitura de Porto Velho desenvolve um programa para a reparação da visão a a

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Por meio do Departamento de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (Depesp), o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia-IFRO, Cam