Porto Velho (RO) quinta-feira, 19 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Educação

Docente da São Lucas destaca influência da saúde bucal em tese de doutorado


Avaliação da influência da saúde bucal na qualidade de vida de pré-escolares no município de Porto Velho/RO foi destacada pelo Professor Mestre Ricardo Pianta, coordenador de Extensão da Faculdade São Lucas, em sua tese de doutorado na Universidade de São Paulo (Faculdade de Odontologia de Bauru). O trabalho mostra que nas últimas décadas tem sido registrado um grande avanço no estudo das relações organizacionais com relação à saúde. O estudo, segundo Ricardo Pianta, teve por objetivo avaliar o impacto das condições bucais na qualidade de vida de pré-escolares matriculados em creches comunitárias no Município de Porto Velho-RO e verificar o perfil socioeconômico das famílias e seu estado nutricional.

A amostra foi constituída por 210 pré-escolares entre 3 e 5 anos de idade onde foi adotado o Índice ceod para avaliação de cárie dentária e o Índice de Massa Corpórea para avaliação do estado nutricional. Foram aplicados questionários de avaliação de influência da saúde bucal na qualidade de vida (ECOHIS) e perfil socioeconômico aos pais ou responsáveis dos respectivos pré-escolares. A estatística descritiva foi realizada por meio de frequências relativas e absolutas e a sua análise por meio do teste de Correlação de Spearman, observando-se 49,52% de crianças livres de cárie dentária.

A classificação socioeconômica mostrou que 80,95% encontram-se na classe média inferior e que 40,29% tem renda familiar inferior a 2 salários mínimos. Quanto ao estado nutricional, 60,48% encontravam-se eutróficas e 25,71% magreza, não apresentando influencia significativa quanto à saúde bucal. Foi verificada relação estatisticamente significativa entre o ceod e seus componentes na qualidade de vida, concluindo-se que o impacto das condições socioeconômicas e influência da saúde bucal na qualidade de vida de crianças na idade pré-escolar podem nortear novas práticas em saúde objetivando reduzir as desigualdades na distribuição da cárie dentária na população.

A Banca avaliadora foi composta pelo Professor Doutor José Roberto de Magalhães Bastos (orientador), Professora Doutora Sílvia Helena de Carvalho Sales Peres (FOB/USP), Professora Doutora Maria Aparecida Miranda de Paula Machado (FOB/USP), Professor Doutor Alex Tadeu Martins (FEB/FAMEMA) e Professora Doutora Tânia Adas Saliba Rovida (UNESP/ARAÇATUBA).

Fonte: Chagas Pereira
 

Mais Sobre Educação

 Colégio Sapiens abre inscrições para Concurso de Bolsas com vagas para 2020

Colégio Sapiens abre inscrições para Concurso de Bolsas com vagas para 2020

As famílias que querem matricular seus filhos no Colégio e Curso Sapiens em 2020 e gostariam de descontos de até 100% nas mensalidades esperam o ano

Inscrições para o vestibular de Medicina da Faculdade Metropolitana já estão abertas

Inscrições para o vestibular de Medicina da Faculdade Metropolitana já estão abertas

A Faculdade Metropolitana conta com um novo Curso para esse segundo semestre de 2019, trata-se do curso de Medicina que passa a integrar o Núcleo de S

Sebrae e Sicoob apoiam a Educação Empreendedora

Sebrae e Sicoob apoiam a Educação Empreendedora

As escolas 21 de Abril e Branca de Neve receberam apostilas preparatórias das diretorias do Sebrae e do Sistema de Cooperativas de crédito (Sicoob), q

Últimos dias para a inscrição de propostas para o Festival Unir Arte e Cultura 2019

Últimos dias para a inscrição de propostas para o Festival Unir Arte e Cultura 2019

A Pró- Reitoria de Cultura, Extensão e Assuntos Estudantis (PROCEA) da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) está com as inscrições abertas