Porto Velho (RO) domingo, 5 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

CARTA ABERTA À SOCIEDADE, ANDES-SN, MEC E MPOG


A comunidade universitária da Universidade Federal de Rondônia (UNIR), através do seu corpo docente, torna público à sociedade rondoniense e nacional, que em função da ausência de condições mínimas de trabalho, bem-estar e segurança nesta IFES, decidiu, em assembleia, pela greve geral por tempo indeterminado.

As condições existentes são tão precárias que chegamos a trazer água e papel higiênico de casa e a usar, para fins institucionais, nossos próprios meios de comunicação (celular, notebook, internet móvel etc.); não há salas de trabalhos para docentes; não há espaço para convivência ou mesmo acervo bibliográfico suficiente para a demanda atual.

A UNIR encontra-se a 9,5 km da cidade, localizada próxima ao lixão municipal, cujo odor e fumaça tóxicos acarretam graves doenças respiratórias e oftalmológicas à comunidade universitária, em geral; somando-se a isso, convive-se com o lixo produzido e acumulado da própria instituição. E mais, a existência de endemia de malária e dengue, sem, contudo sequer existir um serviço de pronto atendimento de saúde à comunidade universitária.

Por outro lado, as salas de aulas existentes são por demais precárias. Faltam, em algumas, refrigeração, iluminação e acústica, além da manutenção básica. Faltam também docentes e técnicos para os cursos antigos e novos, haja vista que o REUNI não repassou às IFES os recursos prometidos.

Por estes motivos, exigimos da Reitoria, do MEC, do MPOG, das bancadas parlamentares federal e estadual, dos governos Estadual e Municipal, o imediato atendimento às reinvindicações, a fim de que as condições de trabalho sejam favoráveis para que a comunidade universitária possa desenvolver suas atividades com dignidade e saúde, o mais rápido possível, sem maiores prejuízos para todos.

Assim, solicitamos o apoio, a manifestação e participação da sociedade civil em nossas reinvindicações, em prol de uma educação pública, gratuita, de qualidade e socialmente referenciada, em Rondônia.

Porto Velho, 14 de setembro de 2011.

Comando de Greve

 

Mais Sobre Educação

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

Aqueles que almejam oportunidade de fazer um curso gratuito para se qualificar profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de R

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

Uma completa renovação dos parquinhos das escolas municipais foi providenciada neste ano para acontecer em breve. A Secretaria Municipal de Educação

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Buscando garantir o desempenho dos estudantes dentro da sala de aula, a Prefeitura de Porto Velho desenvolve um programa para a reparação da visão a a

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Por meio do Departamento de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (Depesp), o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia-IFRO, Cam