Porto Velho (RO) domingo, 7 de junho de 2020
×
Gente de Opinião

Economia

Sebrae atende empresária que consegue crédito na Caixa Econômica pelo Fampe

Dona do negócio buscou consultoria financeira e foi atendida


Sebrae atende empresária que consegue crédito na Caixa Econômica pelo Fampe - Gente de Opinião

Ao assistir os noticiários, quase sempre verificamos que há uma tendência em divulgar que os financiamentos não têm chegado às empresas, nesta fase difícil para a economia e o mercado como um todo. Mas, raramente vemos a divulgação dos casos de sucesso quando empresas conseguem crédito junto às instituições financeiras. Em meio ao isolamento causado pela cautela em evitar contaminação pelo Novo Coronavírus, o Sebrae em Rondônia vem trabalhando online com seus clientes e uma das indicações para acesso ao crédito é o Fundo de Aval para as Micro e Pequenas Empresas (Fampe). Trata-se de uma opção que o Sebrae disponibiliza nos bancos conveniados e tem por objetivo complementar as garantias exigidas pelas organizações para a realização de financiamento.

 

Recentemente a microempresária Silvania Marinho Farias, com um negócio de confecções e vendas de produtos e artigos militares, a Brasão Militar fundada em 2014, buscou consultoria financeira e foi atendida pela analista Gleiciane Ribeiro Rocha que a orientou quanto às instituições financeiras parceiras do Sebrae. Pela primeira vez procurou por crédito, possui estoque alto devido o ramo de atuação vendendo atualmente via rede sociais, WhatsApp e telefone. Pelo Sebrae tomou conhecimento sobre o Fampe na Caixa Econômica Federal (CEF) e outras linhas de outras instituições de crédito. Seguindo a tendência recomendada, foi motivada a receber consultoria de presença digital e curso de ensino à distância (EAD) na página do Sebrae, depois teve o diagnóstico financeiro concluído com atendimento remoto (Covid-19).

 

Esse é o atendimento que o Sebrae vem realizando durante essa fase de prevenção à Covid-19 e nas palavras da empresária podemos comprovar sua satisfação.

 

“Fiquei sabendo da parceria do Fampe pela internet. Entrei em contato com a agência da Caixa onde tenho conta e fui informada que deveria iniciar as tratativas com o Sebrae, que encaminharia os dados à CEF. Fiz contato com o Sebrae que me passou informações mais detalhadas sobre linhas de crédito. entretanto, naquele momento ainda não estava decidida em me tornar público específico para este atendimento. Ocorre que, toda essa situação da Covid-19 afetou a minha empresa, justamente quando estava prestes a inaugurar uma filial na Zona Sul da cidade. Toda essa situação causou um grande impacto nos negócios e acabou me levando a decidir por uma linha de crédito que pudesse me dar um fôlego nesse momento. Sendo assim, dia 10 de maio decidi fazer o cadastro no Fampe e no dia seguinte recebi ligação da analista técnica Gleiciane do Sebrae, que iniciou um trabalho de diagnóstico da minha empresa e me passou várias orientações de suporte às minhas decisões. No dia 13 de maio fiz contato com a atendente da agência da CEF com a qual já tenho relacionamento. Informei que havia feito o cadastro no Fampe. Prontamente ela verificou minhas informações e iniciou a simulação dos valores. No dia seguinte autorizei que ela desse encaminhamento ao processo. No dia 15, me pediu algumas documentações da empresa e eu encaminhei tudo por e-mail. No dia 18 fui chamada até agência para assinar o contrato. No dia 19 de maio às 8h32 a atendente me enviou mensagem informando que o valor já estava disponível na conta. O atendimento foi excelente, tanto por parte do Sebrae como pela Caixa Econômica, tudo muito rápido. Ressalto que a loja mudou de endereço recentemente. A loja foi assaltada na madrugada do dia 11 de maio e tivemos muitos produtos levados, ocasionando a necessidade de gastos com a reposição de mercadorias e equipamentos. O recurso chegou em momento oportuno para que possamos atravessar a difícil fase, sem que seja necessário fazer qualquer demissão dos nossos empregados, pelo contrário, contamos com a possibilidade de geração de mais empregos, em virtude da melhor estruturação da nossa confecção própria, cuja tendência é de crescimento para atendimento das nossas demandas,” completou Silvania.

Galeria de Imagens

Mais Sobre Economia

TCE-RO fiscalizará aplicação de recursos federais do auxílio financeiro para Estado e municípios enfrentarem pandemia

TCE-RO fiscalizará aplicação de recursos federais do auxílio financeiro para Estado e municípios enfrentarem pandemia

Por meio de nota técnica, a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) promoveu uma análise quanto à competência dos Tribunais

Variação no preço do combustível da cidade de Porto Velho em maio

Variação no preço do combustível da cidade de Porto Velho em maio

Gasolina comumO litro da gasolina comum, com preço médio de R$4,05 teve uma queda de 4,46% no mês de maio em comparação com o mês de abril. Já, no co

Precisamos abrir as portas e começar a trabalhar

Precisamos abrir as portas e começar a trabalhar

Precisamos abrir as portas e começar a trabalharChegamos a um ponto extremamente desconfortável em relação ao caixa das empresas. Atualmente, tudo que

Informativo mostra efetiva atuação do MPC-RO durante a pandemia

Informativo mostra efetiva atuação do MPC-RO durante a pandemia

Documentos, ações e iniciativas do Ministério Público de Contas de Rondônia (MPC-RO), durante o período da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus (