Porto Velho (RO) terça-feira, 7 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Uma em cada quatro empresas brasileiras enfrenta concorrência da China


Martha Beck - Agência O Globo BRASÍLIA - Uma em cada quatro empresas brasileiras enfrenta a concorrência de produtos chineses no mercado nacional, segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O trabalho revela ainda que metade das empresas que enfrentam a concorrência da China já perdeu participação no mercado brasileiro. Os setores mais prejudicados são o têxtil, de vestuário, de equipamentos hospitalares e calçados. De acordo com a CNI, 75% das empresas têxteis e 66% dos fabricantes de vestuário já perderam espaço para os produtos chineses no Brasil. O trabalho também mostra os efeitos da China no mercado internacional para os exportadores brasileiros. De acordo com a pesquisa - que ouviu 1.581 empresários - 58% das empresas que atuam no mercado externo sofrem a concorrência de produtos chineses e já perderam clientes. Além disso, 12% das grandes empresas brasileiras já transferiram parte de sua produção para a China, onde os custos são mais baratos. Neste grupo, estão os setores de veículos, máquinas e materiais elétricos e minerais não-metálicos. As empresas afirmaram à CNI que a forma de o Brasil enfrentar a concorrência chinesa é, principalmente, reduzir custos de produtos e aumentar investimentos na qualidade dos produtos. Também é preciso diferenciar marcas, lançar novos produtos e eventualmente reduzir a margem de lucro.

Mais Sobre Economia - Nacional

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de