Porto Velho (RO) quarta-feira, 26 de junho de 2019
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Rendimento médio do trabalhador, no ano, subiu 4,1%


Cássia Almeida - Agência O GloboRIO - Apesar da leve alta na taxa de desemprego, o rendimento médio real do trabalhador nas seis regiões metropolitanas acompanhadas pela Pesquisa Mensal de Emprego, divulgada nesta quinta-feira pelo IBGE, subiu 4,1% na média de janeiro a outubro, alcançando R$ 1.029,10. A alta foi bem superior ao 1,4% de 2005 frente a 2004, no mesmo período do ano:- O aumento do emprego com carteira assinada, que costuma ter salários maiores, o reajuste do salário mínimo e a inflação controlada ajudaram a elevar o rendimento do trabalhador este ano - explicou o gerente da Pesquisa, Cimar Azeredo.O técnico do IBGE, diante do comportamento da pesquisa nos últimos anos, acredita que a taxa de desemprego deve baixar nos próximos, com o aumento da contratação temporária para o Natal e a queda na procura, natural na semana entre Natal e Ano Novo.

Mais Sobre Economia - Nacional

Empresas inadimplentes podem retornar ao SIMPLES Nacional - Retenção de 11% para o INSS não pode ser exigida da pequena empresa

Empresas inadimplentes podem retornar ao SIMPLES Nacional - Retenção de 11% para o INSS não pode ser exigida da pequena empresa

*Empresas inadimplentes podem retornar ao SIMPLES Nacional*No dia 05 de junho último, o Congresso Nacional derrubou o veto presidencial ao projeto, qu

Receita Federal paga hoje as restituições do 1º lote do Imposto de Renda

Receita Federal paga hoje as restituições do 1º lote do Imposto de Renda

A Receita começa a pagar hoje (17) as restituições do Imposto de Renda Pessoa Física 2019. Serão depositados R$ 5,1 bilhões nas contas de 2.573.186 co

Acumulou: Mega-Sena vai pagar R$ 115 milhões no sábado

Acumulou: Mega-Sena vai pagar R$ 115 milhões no sábado

O concurso 2.159 da Mega-Sena não teve acertadores no prêmio principal. Os números sorteados foram: 14 - 26 - 35 - 38 - 45 - 53.A quina - cinco número

Pequenas Empresas alertam: estamos "quebrando - STF: grávidas e lactantes não podem exercer atividade insalubre

Pequenas Empresas alertam: estamos "quebrando - STF: grávidas e lactantes não podem exercer atividade insalubre

*Por que a reforma da Previdência Social é tão necessária?* O maior desafio do atual governo é reduzir urgentemente o déficit das contas públicas, que