Porto Velho (RO) domingo, 5 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Preços dos alimentos em 2012 registraram queda de 8%


Renata Giraldi
Agência Brasil


Brasília – Os preços dos alimentos no mundo sofreram uma queda média de 8%, segundo índice da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO). Os dados se referem ao período de janeiro a outubro de 2012 em comparação aos mesmos meses de 2011. Os produtos que registraram queda nos preços foram os cereais, o azeite e o óleo. Porém, os produtos lácteos e o açúcar registraram alta nos preços.

O estudo Perspectivas Alimentares, informe bianual elaborado pela FAO sobre os mercados mundiais e publicado hoje (8), destacou que a diminuição dos preços internacionais e dos fretes, juntamente com a diminuição das compras de cereais, poderia diminuir o interesse mundial pela importação de alimentos em 2012.

A FAO calcula que o gasto mundial com a importação de alimentos deva chegar a US$ 1,14 bilhão em 2012, montante 10% menor do que o recorde de 2011.

Para o diretor-geral da FAO, José Graziano da Silva, um conjunto de ações conseguiu conter a tensão para evitar a alta dos preços e ajudou a prevenir o pânico e a evitar que a pior seca em décadas se convertesse em uma crise de preços de alimentos, como já ocorreu no passado. Ele alertou ainda que a seca e as inundações não são responsáveis pelas crises, e sim a falta de governança.

“Em um mundo globalizado, não podemos concentrar a segurança alimentar em apenas um país ou região. Temos de fortalecer a governança mundial e a segurança alimentar”, disse Graziano.
 

Mais Sobre Economia - Nacional

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de