Sábado, 24 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Preço do diesel terá alta a partir da 2ª segunda-feira (16)


O litro do óleo diesel comercializado em todos os postos do país estará mais caro a partir da próxima segunda-feira (16). Na noite da útima quinta-feira (12), a Petrobras anunciou reajuste de 6% no valor de venda do diesel nas refinarias, o que representaria um aumento aproximado de 4% sobre o preço final ao consumidor.

No entanto, a Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis) informou, em nota, que a revenda de combustíveis foi avisada pela Shell Distribuidora (Raízen) de que o novo reajuste no diesel para os postos será de 6%, maior do que o anunciado pela estatal. Segundo a Federação, até o momento, as outras distribuidoras não divulgaram o percentual de reajuste.

Para a Fecombustíveis, se for repassado apenas o reajuste da Petrobras, a alta de 6% para o diesel nas refinarias incrementaria o preço de custo para os postos em 4%, nos estados que adotam tributação com base no Preço Médio Ponderado a Consumidor Final (PMPF). Na Bahia e em São Paulo, locais que utilizam o regime Margem de Valor Agregado (MVA), o reajuste seria de 5%. Na última semana, a entidade já havia alertado sobre a possibilidade de alta no valor do litro, em função do biodiesel adicionado ao combustível fóssil.

O preço médio do litro do diesel no Brasil, de acordo com levantamento semanal da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP), entre os 1º e 7 de julho, era de R$ 2,04. O menor preço encontrado para o produto comercializado ao consumidor foi R$ 1,73 e, o maior, R$ 2,80. A Fecombustíveis previa um aumento de R$ 0,04 no valor do litro, em função do biodiesel. Agora, o litro do combustível poderá chegar à marca de R$ 2, 96 no Acre, por exemplo.

Em nota, a Petrobras justifica o reajuste como forma de “alinhar o preço dos derivados aos valores praticados no mercado internacional em uma perspectiva de médio e longo prazo”.

Fonte: Jacy Diello / Agência CNT de Notícias
 

Gente de OpiniãoSábado, 24 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

O programa social que pretende substituir o Bolsa Família terá o maior valor possível para o benefício dentro do teto de gastos, disse hoje (9) o mi

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

O Banco do Brasil (BB) anunciou nesta segunda-feira (11) dois programas de desligamento incentivado. A expectativa é que a adesão chegue a 5 mil fun

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Gente de Opinião Sábado, 24 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)