Porto Velho (RO) quinta-feira, 2 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

O preço da cesta básica em Porto Velho teve aumento de 4,53% em janeiro



O preço da cesta básica em Porto Velho custa atualmente R$273,92, ocorrendo uma alta de 4,43% na comparação com o mês de dezembro, quando a cesta custava R$256,47. Em relação ao mês de janeiro de 2014, teve aumento de 6,8%. No acumulado dos últimos doze meses o aumento ficou em 7,15%.

Dos 12 produtos pesquisados, sete apresentaram aumento de preço em janeiro quando comparado com mês passado:

·         Feijão: 36,0%

·         Banana: 11,1%

·         Farinha: 6,7%

·         Pão: 4,0%

·         Açúcar: 3,7%

·         Café: 3,2%

·         Carne: 2,4%

Os demais produtos apresentaram queda de preço no mês de janeiro:

·         Manteiga: -6,7%

·         Arroz: -5,8%

·         Tomate: -2,9%

·         Leite: -2,6%

·         Óleo: -2,5%

Na comparação com janeiro de 2014:

Produtos que tiveram aumento em seus preços:

·         Feijão: 46,7%

·         Carne: 17,7%

·         Açúcar: 11,3%

·         Pão: 11,0%

·        Banana: 5,6%

·         Leite: 1,2%

 

Produtos que tiveram queda em seus preços:

·         Farinha: -27,6%

·         Arroz: -14,6%

·         Tomate: -7,6%

·         Café: -3,8%

·         Óleo: -2,6%

·         Manteiga: -1,1%
 

Os doze produtos da que compõem a cesta básica são pesquisados em diversos estabelecimentos comerciais da cidade de Porto Velho. A pesquisa é feita a partir de metodologia similar à utilizada pelo DIEESE, que faz a pesquisa em dezoito capitais brasileiras.

Fonte: Ascom /  Universidade Federal de Rondônia - UNIR

Mais Sobre Economia - Nacional

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de