Quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Miriam Belchior: Estamos superanimados com esse PIB



Luciene Cruz
Agência Brasil

Brasília – A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, ficou muito otimista com a expansão de 7,5% do Produto Interno Bruto (PIB) de 2010 comparada à de 2009. O resultado foi anunciado hoje (3). “Nós estamos superanimados com esse resultado, é um número bom para o país e bom para as pessoas”, afirmou Miriam, em entrevista à Agência Brasil.

Segundo a ministra, o crescimento econômico do país tem ocorrido de forma ordenada. “Este é o desenho de um país que cresce de maneira equilibrada. Existe crescimento de renda, aumento do consumo das famílias, aumento dos programas de crédito e da inclusão social. Este é o país que a gente está construindo.”

Além disso, para Miriam, o resultado positivo não traz à tona o superaquecimento da economia. “Acredito que o próprio resultado do quarto trimestre (2010) aponta um crescimento um pouco menor. Trabalhamos com estimativa entre 4,5% e 5%. Isso indica que a economia não está superaquecida. É importante para o país estabilizar a economia”, avaliou. O crescimento do quarto trimestre foi de 0,7% do PIB ante o trimestre anterior.

Sobre o reajuste de 4,5% na tabela de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de 2011, a ministra do Planejamento não quis entrar em detalhes. Em entrevista coletiva, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, confirmou o percentual e afirmou que o aumento vai gerar renúncia fiscal de R$ 1,6 bilhão.

De acordo com Mantega, a compensação deve ocorrer com ajuste de outro tributo ou anúncio de novo corte. “Estamos discutindo o assunto internamente e analisando qual a melhor maneira de aplicar isso. O anúncio deve ser feito proximamente, mas prefiro não antecipar a data”, esquivou-se o ministro.


 

Gente de OpiniãoQuarta-feira, 21 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

O programa social que pretende substituir o Bolsa Família terá o maior valor possível para o benefício dentro do teto de gastos, disse hoje (9) o mi

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

O Banco do Brasil (BB) anunciou nesta segunda-feira (11) dois programas de desligamento incentivado. A expectativa é que a adesão chegue a 5 mil fun

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Gente de Opinião Quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)