Porto Velho (RO) segunda-feira, 30 de março de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Feira do Produtor bate recorde


O Transporte da produção da agricultura familiar mais que triplicou nos últimos cinco meses. De acordo com o secretário municipal de Agricultura e Abastecimento, Leonel Bertolin, até ao final do ano de 2012, oriundos dos distritos e da área rural do entorno da cidade de Porto Velho, uma média de 50 toneladas dessa produção chegava à Feira do Produtor, mensalmente. Em 2013, de janeiro a maio, a média elevou-se para 160 toneladas. Somente no mês de abril, atingiu-se a marca significativa de 175 toneladas de produtos transportados.
 
“Pode-se apontar como motivos da mudança a reorganização dos serviços. Caminhões que estavam parados foram concertados e colocados em funcionamento, os serviços das equipes de transporte passaram a ser monitorados com maior rigor. Além disso, passamos também a reorganizar o espaço da Feira e a oferecer Box para os próprios trabalhadores comercializarem seus produtos. Fizemos também o recadastramento de associações, cooperativas e, sobretudo, passamos a manter contatos diretos com produtores que eram procurados apenas por atravessadores, sendo que esses, muitas vezes, mais atrapalhavam do que ajudavam. Tudo isso resultou em imediatas mudanças. O transporte da produção e o movimento da Feira subiram vertiginosamente”, observou Bertolin.
 
Segundo o secretário, o avanço se dará ao longo do ano corrente, mas será em 2014 que a agricultura familiar e a Feira do Produtor deverão alcançar patamares muito mais elevados. A Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Semagric), contando com o apoio da Secretaria Municipal de Obras (Semob), realizará a reforma predial da Feira do Agricultor e construirá um novo Centro de Distribuição. À Semob caberão obras de paisagismo, jardinagem, drenagem e asfaltamento da Feira e do novo Centro de Armazenamento. A Semagric vai capacitar o Centro para que atenda não apenas à produção de Porto Velho, mas também a do intitulado Território da Cidadania, que abarca os municípios de Candeias, Itapuã do Oeste, Guajará-Mirim e Nova Mamoré. Também serão instaladas novas bancas de separação de produtos e adquiridos outros meios de transporte, como caminhões e barcos.
 
“Nossa meta para o próximo ano é chegarmos ao transporte de 500 toneladas mês. Contudo, ainda neste ano, com o serviço de recuperação de estradas, que já está sendo iniciado, e com o reaparelhamento da Feira e com a organização que estamos implantando nas formas de trabalhos, já poderemos ver aumentar significativamente a média de produtos transportados”, ressaltou Bertolin.
 
Fonte:  Renato Menghi

 

Mais Sobre Economia - Nacional

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de

Coronavírus: Caixa anuncia novas medidas de estímulo à economia brasileira

Coronavírus: Caixa anuncia novas medidas de estímulo à economia brasileira

A CAIXA anuncia nesta quinta-feira (26) uma série de medidas para ajudar a combater o efeito do novo coronavírus na economia e reforçar a liquidez.

MEIs puxam recorde histórico de novas empresas em 2019 e Região Norte tem crescimento de 30,7%, o maior do país, revela Serasa Experian

MEIs puxam recorde histórico de novas empresas em 2019 e Região Norte tem crescimento de 30,7%, o maior do país, revela Serasa Experian

O Indicador de Nascimento de Empresas da Serasa Experian registrou 3,1 milhões de novos empreendimentos em 2019, o maior número desde o início da séri

Gasolina: Petrobras espera que queda de preço chegue aos postos

Gasolina: Petrobras espera que queda de preço chegue aos postos

A Petrobras informou que, com uma nova redução de 15% a partir desta quarta-feira (25), o preço médio da gasolina nas refinarias passa a ser R$ 1,14