Porto Velho (RO) terça-feira, 24 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Encontro discute negócios do Tambaqui em Rondônia


Para consolidar os incentivos que o governo vem promovendo para incrementar a cadeia de piscicultura no Estado, o Sebrae-RO realizará nesta sexta-feira e sábado (6 e7) em Porto Velho, em parceria com a Secretaria de Agricultura, Desenvolvimento, Pecuária e Regularização Fundiária (Seagri), o Encontro de Negócios do Tambaqui. O evento, que tem por objetivo a troca de experiência e criar oportunidades de comercialização aos piscicultores de Rondônia, será aberto às 16h, no Accordes Hotel Convention, na BR-364, nº 8250, bairro Aeroclube, com a participação de representantes de nove frigoríficos que se destacam no País, dos quais seis são de São Paulo, um de Mato Grosso, um do Paraná e outro de Rondônia, da região de Vilhena. No dia seguinte, das 8h às 18h, haverá a participação dos produtores organizados em associações ou cooperativas de todo o Estado.

De acordo com o gerente de Mercado do Sebrae-RO, Wanderley Marques, o Encontro é considerado estratégico para Rondônia, que é pioneiro na regularização do pirarucu para exportação, com uma produção que, incentivada, poderá superar em cinco anos a de Santa Catarina, hoje o maior produtor de peixes do País.

Wanderley Marques explicou que a programação será aberta com a equipe da Seagri falando aos empresários compradores de pescado sobre as potencialidades e os incentivos oferecidos ao setor pelo Governo da Cooperação, enquanto que no sábado serão feitas pequenas reuniões de 20 a 25 minutos, cada, de maneira que todos os grupos tenham oportunidade de conversar com os compradores. “O Encontro ou Rodada de Negócios colocará frente a frente potenciais compradores com ofertantes, mas vale salientar, que estatisticamente só conseguem realizar negócios produtores organizados em grupos, com padrão de qualidade e escolha definidos, além de comprometimento com a regularidade”, alertou.

O incremento à política de incentivo ao crescimento do setor pesqueiro em Rondônia para melhoria da geração de emprego e renda, diversificação da produção e aumento da oferta de alimentos já demonstra resultados satisfatórios como os que foram divulgados nesta semana pela Divisão de Recursos Pesqueiros da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam) mostrando que há no Estado 3.247 empreendimentos na área de piscicultura; tendo sido emitidas 2.033 licenças neste ano e cadastrado outros 387 produtores.

Fonte: Veronilda Lima / Decom

 

Mais Sobre Economia - Nacional

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

O programa social que pretende substituir o Bolsa Família terá o maior valor possível para o benefício dentro do teto de gastos, disse hoje (9) o mi

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

O Banco do Brasil (BB) anunciou nesta segunda-feira (11) dois programas de desligamento incentivado. A expectativa é que a adesão chegue a 5 mil fun

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is