Quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Economistas acreditam em aumento da gasolina em fevereiro


 
Riomar Trindade 
Agência Brasil 

O preço da gasolina na bomba para o consumidor deverá ter um aumento de aproximadamente 2% em fevereiro, como reflexo da redução da mistura de álcool à gasolina, que cairá de 25% para 20%. A opinião é do economista André Braz, do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV).

“Dado que a gasolina pesa 3% no Índice de Preços ao Consumidor (IPC/FGV), este aumento momentâneo deverá impactar em 0,06 ponto percentual no IPC do mês. Depois do dia 1º de maio, esse impacto começará a ser dissipado e seu efeito tende a ser nulo na inflação de 2010”.

Na opinião de André Braz, o maior benefício da redução do percentual de mistura é impedir aumentos maiores no preço do álcool combustível, cuja demanda cresce com a ampliação da frota de carros flex.

A redução do percentual de álcool anidro misturado à gasolina, que ocorrerá entre os dias 1º de fevereiro e 1º de maio, deve aumentar a oferta de álcool, reduzindo o preço a médio prazo.

Como efeito colateral, uma vez que a gasolina pura é mais cara que o álcool anidro, o derivado de petróleo comprado no posto deverá ficar mais caro.

“É uma questão de tempo, o suficiente para a renovação dos estoques no varejo”, avalia o pesquisador da FGV Maurício Canêdo.

A especialista da FGV em petróleo e gás, Adriana Perez, por sua vez, acredita que o maior direcionamento de consumo da gasolina – ocorrido em janeiro - foi uma consequência natural, uma vez que o consumidor percebeu que, neste momento, o preço do álcool subiu, em média, muito mais (+3,31 %) nas últimas quatro semanas.

Gente de OpiniãoQuinta-feira, 22 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

O programa social que pretende substituir o Bolsa Família terá o maior valor possível para o benefício dentro do teto de gastos, disse hoje (9) o mi

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

O Banco do Brasil (BB) anunciou nesta segunda-feira (11) dois programas de desligamento incentivado. A expectativa é que a adesão chegue a 5 mil fun

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Gente de Opinião Quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)