Quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Economista defende mudança radical em aposentadorias e pensões


Agência O Globo SÃO PAULO - O economista Fábio Giambiagi, pesquisador do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), propôs, nesta terça-feira, mudanças radicais na concessão de aposentadoria e pensão. A proposta foi defendida no Fórum Nacional da Previdência, que acontece em Brasília. Para o economista, é preciso reduzir a diferença de tempo de contribuição entre homens e mulheres, acabar com a aposentadoria especial para o trabalhador rural e professor, e reduzir o valor da pensão. - Também é preciso aumentar a idade mínima da aposentadoria para 67 anos, no caso dos homens, e 66 anos para as mulheres. Para quem já é contribuinte, seria criada uma regra de transição até 2020 - afirmou. Giambiagi defende também que o tempo mínimo de contribuição da aposentadoria por idade suba de 15 anos para 25 anos nos próximos 24 anos. Já a professora Lena Lavinas, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, defendeu a criação de um benefício assistencial para crianças - independentemente da renda.

Gente de OpiniãoQuarta-feira, 21 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

O programa social que pretende substituir o Bolsa Família terá o maior valor possível para o benefício dentro do teto de gastos, disse hoje (9) o mi

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

O Banco do Brasil (BB) anunciou nesta segunda-feira (11) dois programas de desligamento incentivado. A expectativa é que a adesão chegue a 5 mil fun

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Gente de Opinião Quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)