Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Dados sobre inflação voltam a animar bolsas americanas, que operam em alta


Agência O Globo NOVA YORK - A exemplo de ontem, as bolsas americanas iniciaram as negociações desta quarta-feira em alta. Um dia depois de o índice de preços ao produtor (PPI) ter deixado os investidores entusiasmados, chegou a vez do índice de preços ao consumidor (Consumer Index Price - CPI) relativo a julho levar o otimismo às bolsas. O resultado dos dois indicadores, que ficaram dentro das expectativas dos analistas, reforça a possibilidade de o Fed (banco central americano) interromper o ciclo de aperto monetário no país. Às 10h43min (horário de Brasília, o índice Dow Jones Industriais, o mais importante do mercado americano, avançava 0,36%, situando-se nos 11.271,20 pontos. O mercado tecnológico Nasdaq, onde são negociadas as ações das empresas de tecnologia, tinha valorização de 0,56%, para 2.126,81 pontos. Já o índice S&P 500, que mede a variação das 500 maiores empresas americanas, subia 0,37%, para 1.290,35 pontos.

Mais Sobre Economia - Nacional

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões