Sábado, 24 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

CRISE: Frigoríficos pedem redução da cobrança de 4,5% de PIS-Cofins


  
Em audiência na Comissão de Agricultura do Senado Federal, o  presidente da Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo), Péricles Salazar, pediu atenção ao Governo Federal ao setor que tem sido afetado pela escassez de crédito provocada pela crise. Mais de 50 frigoríficos deixaram de abater bovinos e algumas unidades deixaram de funcionar de forma definitiva.

Os frigoríficos que estão com as atividades paralisadas no país abatem 30 mil cabeças de gado por mês e respondem por 15 mil empregos. A reivindicação que a categoria faz para atenuar os efeitos é a suspensão da cobrança de 4,5% de PIS-Cofins sobre o faturamento dos frigoríficos nas vendas internas, o que geraria um alívio de R$ 140 milhões aos cofres dessas empresas.

Para o deputado Eduardo Valverde (PT/RO) nesse momento é necessário um cuidado especial principalmente com as pequenas e médias empresas, para que elas possam ser socorridas e não deixem de gerar empregos, tornado um circulo prejudicial para a economia. " Geralmente são as pequenas empresas que têm maior dificuldades na aquisição de créditos, por isso nosso cuidado com elas", frisou.

Valverde informou que o governo negociou com os líderes partidários a inclusão de uma emenda à MP 447/08 que aumenta os prazos para recolhimento dos tributos, com o objetivo de deixar por mais tempo no caixa das empresas o dinheiro reservado a essas despesas.Os novos prazos permitiriam às empresas terem um capital de giro com cerca de R$ 21 bilhões nos caixas antes do pagamento dos tributos.

O ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, disse que tem intermediado diálogos com o BNDES, e que o banco avalia o caso de alguns frigoríficos, mas descartou a possibilidade de um pacote de medidas  "Não há nada de concreto ou específico. O BNDES está fazendo análise de alguns frigoríficos, mas não há discussão de pacote", ressaltou.

Fonte: Leila Denise


 

Gente de OpiniãoSábado, 24 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

Programa Social: Novo Bolsa Família cumprirá teto de gastos, diz ministro da Cidadania

O programa social que pretende substituir o Bolsa Família terá o maior valor possível para o benefício dentro do teto de gastos, disse hoje (9) o mi

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

Banco do Brasil lança dois programas de desligamento incentivado

O Banco do Brasil (BB) anunciou nesta segunda-feira (11) dois programas de desligamento incentivado. A expectativa é que a adesão chegue a 5 mil fun

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Gente de Opinião Sábado, 24 de fevereiro de 2024 | Porto Velho (RO)