Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Confúcio convida empresários goianos para conhecer piscicultura em Rondônia


O governador disse que atualmente Rondônia já desenvolve projetos paralelos com Goiás e salientou que essa parceria pode aumentar. Confúcio Moura, que já é membro da SGPA, enfatizou aos empresários e investidores goianos que possuem interesse de investir em Rondônia que a hora é agora.

Confúcio é tocantinense, formado em Goiânia e com raízesConfúcio convida empresários goianos para conhecer piscicultura em Rondônia - Gente de Opinião em Goiás. Ele disse ter muita admiração pelo processo de crescimento ligado a terra. Segundo ele, as exportações goianas prosperaram muito nos últimos anos e essa iniciativa inovadora de Goiás interessa bastante ao governo de Rondônia, que segue no mesmo passo. “Hoje nós temos bons produtores de peixe, peixes exóticos da Amazônia e queremos vender esse produto para Goiás”, disse.

“Estou aqui hoje para apresentar nossos produtos e estreitar mais os laços entre os dois estados”, destacou Confúcio. Segundo ele, muitos especialistas da Emater de Goiás e da Embrapa estão levando conhecimento para a Região Amazônica e ajudando a desenvolver projetos importantes . “A parceria é uma estrada de mão dupla, não é só vir de lá para cá, tem que ir daqui para lá também”, pontuou.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Social de Rondônia (Sedes), Emerson Castro, enfatizou que o potencial da piscicultura do Estado resultou nessa rodada de negociação com empresários goianos que pretendem investir em Rondônia.

O presidente da SGPA, Ricardo Yano, falou que foi um prazer receber o governador Confúcio Moura, que é um sócio ilustre do clube e isso aproximou ainda mais os dois Estados. “Essa parceria goiana com o Estado de Rondônia só vem agregar. Hoje a pecuária e a piscicultura em Rondônia são muito fortes e essa troca de informações, com o apoio tecnológico, só tem a acrescentar”, disse.

Agência de Fomento

Durante a reunião, Confúcio Moura também conheceu o funcionamento da Agência de Fomento de Goiás, instituição que trabalha com linhas de crédito e tem o papel promover o desenvolvimento da micro, pequena e média empresa. O presidente da instituição, Luiz Maronezi explicou ao governador que a Goiás Fomento agora começa a atuar também na área rural. Ele afirma que é um modelo que deu certo em Goiás e sugeriu ao governador rondoniense que estude essa possibilidade de viabilizá-la em Rondônia.

Fonte: Zózimo Macêdo / Decom

 

Mais Sobre Economia - Nacional

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de