Porto Velho (RO) terça-feira, 11 de agosto de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Bancos disputam aposentados


Maria Fernanda Blaser - Agência O Globo SÃO PAULO - Sorteios de prêmios em dinheiro, juros menores, pagamento só no ano que vem. A disputa entre os bancos para ganhar os aposentados e pensionistas do INSS continua acirrada e, cada vez mais, as instituições investem em promoções para atrair os beneficiários. O banco Panamericano, por exemplo, está sorteando R$ 50 mil por mês em dinheiro para quem fizer o empréstimo consignado. Assim que assinar o contrato, o aposentado preenche um cupom para participar do sorteio. No final do ano, o banco promete sortear R$ 185 mil para os clientes. As financeiras GE Money e Losango estão financiando com juros menores do que o teto de 2,86% para os aposentados e pensionistas. A Losango, por exemplo, está emprestando com taxas máximas de 2% mesmo para quem fizer um financiamento no maior prazo, em 36 meses. Já o banco Cacique cobra a primeira parcela do empréstimo só em junho do ano que vem. Mas apesar de o aposentado só começar a pagar em 2007, os juros durante os meses em que o beneficiário recebeu o dinheiro e não foi descontado são cobrados. Por exemplo: um aposentado que recebe R$ 800 por mês pode pedir emprestado R$ 4.110 se começar a pagar em junho de 2007 e quitar o financiamento em 36 meses. Mas se optar por pagar em outubro, poderá pegar emprestado R$ 5.195,90. - Isso acontece porque, de setembro até junho, o segurado paga juros - diz Miguel de Oliveira, vice-presidente da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac). No final dos três anos, quem optou pelo pagamento em 2007, desembolsa R$ 15.037. Já o aposentado que escolheu pagar em outubro deste ano, pagará R$ 14.339. - Ou seja, o aposentado está pegando menos dinheiro emprestado e pagando mais juros - explica Oliveira. Para o economista, o beneficiário não deve se deixar atrair pelas promoções na hora de pedir um financiamento. - É importante que o aposentado reflita sobre a real necessidade de pedir um empréstimo, porque ele vai comprometer o seu benefício no futuro. O diretor da Associação Brasileira de Bancos (ABBC), Renato Oliva, comenta que as promoções são atrativas para aposentados que já têm empréstimos. - Hoje, o número de renovações do crédito consignado é maior do que o número de operações novas. Segundo ele, 70% das operações de consignado são renovações. - Neste mês, em torno de 6 milhões de segurados fizeram o consignado. Em junho, eram 5,8 milhões que já tinham pedido emprestado R$ 14 bilhões. Em média, a dívida de cada segurado é de R$ 2.413,79. - Cada segurado tem cerca de dois empréstimos com desconto. Isso significa que eles pagam as dívidas e fazem mais consignados - completa Oliva.

Mais Sobre Economia - Nacional

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões