Porto Velho (RO) quinta-feira, 2 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Aluguéis em São Paulo ficam 7,96% mais caros em 2012


Fernanda Cruz
Agência Brasil

São Paulo – Os contratos novos de locação residencial fechados na cidade de São Paulo no ano de 2012 registraram variação de 7,96%, segundo pesquisa mensal do Sindicato da Habitação (Secovi-SP). O índice foi semelhante ao Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M), indicador que corrige a maioria dos contratos de aluguel em andamento, que subiu 7,82% entre janeiro e dezembro do ano passado.

A variação do preço médio de locação de 7,96% foi a menor já registrada para um intervalo de 12 meses, desde maio de 2008. Naquela época, houve uma elevação de 7,87% no período de junho de 2007 a maio de 2008.

Em dezembro de 2012, quem procurou moradia para alugar encontrou valores muito próximos aos vigentes no mês anterior, pois a variação média dos aluguéis ficou de apenas 0,2%.

As residências com maior acréscimo em dezembro foram as de um quarto, que apresentaram crescimento médio de 0,5%. O aluguel de imóveis com mais de dois dormitórios ficou estável.

O fiador foi a modalidade de garantia mais usada pelos inquilinos e proprietários, com 47%. O depósito de até três meses de aluguel respondeu por 32,5% dos contratos de locação efetuados. Já o seguro-fiança foi responsável por 20,5% das moradias alugadas.

As casas na capital paulista, em dezembro do ano passado, tiveram o Índice de Velocidade de Locação (IVL) – que mede em número de dias quanto tempo se leva para assinar um contrato – entre 13 e 33 dias. Os apartamentos demoraram, em média, entre 19 e 39 dias para serem alugados.
 

Mais Sobre Economia - Nacional

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de