Porto Velho (RO) sábado, 4 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Alta dos preços perde força em São Paulo


Marli Moreira
Agência Brasil

O  Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido na cidade de São Paulo pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) , alcançou 0,86% na terceira prévia do mês. Apesar de ser a terceira alta consecutiva deste ano, caiu o ritmo de correção. Na apuração passada, os preços tinham subido em média 0,83%, ante 0,74%.

Como é comum nesta época do ano, o grupo educação foi o que teve a maior elevação, com taxa de 5,01% ante 2,98%. No entanto, foi o grupo dos alimentos que mais influenciou o resultado geral do IPC, com variação de 0,89% ante 0,97%. Em habitação, foi constatada ligeira alta, com o índice em 0,51% ante 0,48%.

No grupo transporte,  houve decréscimo, com oscilação de 0,66% ante 0,71% e, em despesas pessoais, onde ocorreu a segunda maior taxa do período, 1,51%, a variação foi a mesma registrada na segunda prévia.

Em saúde, o índice ficou em 0,36%, um pouco acima da pesquisa anterior (0,34%). Já em vestuário, a taxa indicou queda de 0,07% ante uma alta de 0,33%.

Mais Sobre Economia - Nacional

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de