Porto Velho (RO) sábado, 31 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Alta do petróleo já afeta economia brasileira


Agência O Globo RIO - A alta dos preços do petróleo nas últimas já está afetando a economia brasileira. Segundo reportagem de O Globo, apesar de a Petrobras não reajustar os preços do óleo diesel e da gasolina desde setembro do ano passado, o consumidor poderá sentir os efeitos da alta do petróleo de forma indireta: na cadeia petroquímica e na indústria de plásticos, os produtores vão emplacar aumentos de até 18% nos próximos dias. O querosene de aviação subiu 24% desde o início do ano - o que encarece as passagens aéreas. E alguns fertilizantes já estão 30% mais caros do que há alguns anos, afetando a produção agrícola. Os preços médios do petróleo estão 24% acima dos registrados em 2005 e 76% maiores do que eram há dois anos. Segundo José Ricardo Roriz, presidente do Sindicato da Indústria de Resinas Plásticas (Siresp), o preço da nafta, derivado de petróleo que é a principal matéria-prima da indústria petroquímica, saiu de um patamar médio de US$ 300 a US$ 400 por tonelada, nos últimos dez anos, para US$ 650 entre julho e agosto. Segundo Roriz, as empresas do setor estão reajustando entre 15% e 18% seu preços. Mas a negociação com os clientes é difícil e a perda de rentabilidade pode levar as indústrias a adiarem investimentos. A Petrobras reajusta os preços da nafta, com base em uma cesta de cotações internacionais, todo mês. Além disso, cerca de 30% a 40% da nafta consumida no país é importada. O petróleo também afeta os preços de fertilizantes nitrogenados, que são usados em lavouras de milho, café e cana-de-açúcar, entre outras. Segundo André Pessôa, diretor da consultoria Agroconsult, esse tipo de fertilizante subiu 30% em três anos. Segundo cálculos do especialista Adriano Pires Rodrigues, os preços da gasolina estão defasados em 16% em relação ao mercado americano, enquanto o óleo diesel está 21% mais barato do que no exterior.

Mais Sobre Economia - Nacional

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Entre vinhos e lagostas Lewandowski instaura o caos + Não há empregos sem empresas

Não há empregos sem empresasEm 1985, a inflação no Brasil atingiu o valor de 242,23%. Em 1986, com receio da aceleração descontrolada da inflação, o g

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões