Porto Velho (RO) domingo, 5 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Economia - Nacional

Agência mantém nota de 'grau de investimento' do Brasil


Kelly Oliveira
Agência Brasil

A agência de classificação de risco Fitch Ratings anunciou hoje (10) que manteve a nota do Brasil em BBB, com perspectiva estável, ou seja, não deve haver mudanças em curto prazo. A agência considerou o Brasil na classificação chamada “grau de investimento”, ou seja, há baixo risco de inadimplência, com manutenção do nível de confiança para os investidores aplicarem no país.

Segundo a Fitch Ratings, a nota reflete a diversidade da economia brasileira, a capacidade de absorção de choques e um sistema bancário adequadamente capitalizado. Esses fatores são contrabalanceados por endividamento público relativamente elevado, baixo nível de poupança e de investimento e progresso limitado na melhoria da competitividade e da flexibilidade fiscal.

A agência também cita o crescimento fraco da economia e a inflação em torno do limite superior do intervalo de tolerância da meta (6,5%). A Fitch projeta crescimento médio da economia brasileira em torno de 2%, entre 2014 e 2016.

Sobre as eleições de outubro deste ano, a agência diz que o próximo governo vai enfrentar o desafio de fazer ajustes para reduzir a inflação e fortalecer as finanças públicas.

Mais Sobre Economia - Nacional

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

MEI: Quem terá direito ao vale de R$600 e como pedir? + COVID19 no Brasil: cuidados

COVID19 no Brasil: cuidadosNa tentativa de conter a disseminação do novo Coronavírus (COVID19), diversos países do mundo reforçaram suas medidas de is

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Corte de recursos do Sistema S pode causar fechamento de unidades e demissão de dez mil

Um documento enviado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aos governadores brasileiros revela que o corte de 50%

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

Empresas não prestaram informações sobre admissões e demissões referentes a janeiro e fevereiro

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informa que identificou a falta de prestação das informações sobre admissões

Ajuda ao MEi será de R$600,  diz presidente Bolsonaro

Ajuda ao MEi será de R$600, diz presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (26) que o auxílio emergencial para os trabalhadores informais durante a pandemia do novo coronavírus será de