Porto Velho (RO) segunda-feira, 25 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

São Lucas no Dia da Responsabilidade Social e Educação


A responsabilidade social está além do assistencialismo. É a ação libertadora, que o compartilhamento do conhecimento faz. A boa educação promove indivíduos melhor preparados para o desenvolvimento da sociedade. Na Faculdade, entende-se que a responsabilidade social está intrínseca nas ações educativas, junto ao seu público interno e externo. Internamente, propiciando condições para o aprimoramento e a atualização profissional dos seus docentes, técnicos e alunos, condizentes com a dinâmica do conhecimento; e externamente, promovendo ações que contribuem para reduzir as desigualdades.   

Faz-se necessário na democracia que as informações e o conhecimento sejam transparentes e compartilhados entre todos, para dissipar as desigualdades sociais. A educação e o conhecimento devem ser o grande instrumento de mobilidade social positiva.

As pessoas que estão melhor preparadas para ingressarem e se desenvolverem na nova sociedade são as que têm melhores acessos, quantitativos e qualitativos, ao conhecimento. "O conhecimento tornou-se, hoje mais do que no passado, um dos principais fatores de superação de desigualdades, de agregação de valor, criação de emprego qualificado e de propagação do bem-estar."

Neste país de imensa dimensão territorial e de igualmente imensas e perversas diferenças regionais e sociais, há de toda a população se mobilizar para construção de uma nação mais justa e menos desigual. Há de se descobrir caminhos e construir soluções.

A educação, por si só, é um agente de promoção de bem estar social, à medida que, através dela, o indivíduo com acesso à sociedade do conhecimento tem acesso à moradia digna, saúde e lazer. A educação no Brasil, em especial no setor privado, tem se engajado no compromisso da responsabilidade social, evidenciando-se nas ações que contribuem incisivamente para a melhoria da qualidade de vida das pessoas. São ações capazes de promover mobilidade social positiva.

Neste sábado (21), a Faculdade são Lucas realizou o Dia da Responsabilidade Social.  Também hoje várias faculdades particulares de todo o país realizaram atividades das mais diversas para mostrar que as instituições vêm cumprindo as funções para as quais foram criadas. No ano passado, participaram 197 instituições, com 2.007 atividades, realizadas em 380 mil atendimentos viabilizados. A iniciativa é da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES).

Aqui em Porto Velho, a Faculdade São Lucas, através do seu Núcleo de Extensão Social, preparou um grande evento onde professores, acadêmicos e técnicos proporcionaram orientação e atendimento de saúde. As ações desenvolvidas pela Faculdade São Lucas, através da extensão e pesquisa, têm a função primordial de promover a inserção e capacitação do corpo acadêmico dentro das necessidades e das características das comunidades carentes, contribuindo para o desenvolvimento da dignidade e fortalecimento das perspectivas de melhor qualidade de vida. Assim a Faculdade São Lucas se integra ao evento Dia da Responsabilidade Social promovido pela Associação Brasileira de Mantenedoras Ensino Superior – ABMES. Clique e veja algumas fotos

Fonte: Chagas Pereira

Mais Sobre Cultura

Forte Príncipe da Beira está entre as 18 fortificações brasileiras candidatas a patrimônio da humanidade reconhecido pela Unesco

Forte Príncipe da Beira está entre as 18 fortificações brasileiras candidatas a patrimônio da humanidade reconhecido pela Unesco

 Nos dias 9 e 10 de julho uma equipe técnica do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em Brasília fará uma visita ao Forte Pr

O ZÉ E O SALÁRIO MÍNIMO - Por Humberto Pinho da Silva

Não sei se já vos falei do Zé. Conheci-o desde menino, dos bancos do liceu.

Escritora lança livro que conta a história dos bairros de Porto Velho

Escritora lança livro que conta a história dos bairros de Porto Velho

O lançamento do livro contou com o apoio da Prefeitura

Funcultural realiza o Som Livre

Funcultural realiza o Som Livre

De acordo com o presidente da Funcultural, Fernando Ocampo, o Som Livre será realizado quinzenalmente, de forma itinerante, em vários espaços da cidad