Porto Velho (RO) domingo, 24 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

MEC reformula denominações de cursos técnicos e superiores de tecnologia


Agência O Globo BRASÍLIA - Os cursos técnicos e superiores de tecnologia, antes divididos em 20 áreas do conhecimento, agora passam a ser classificados em 10 eixos, segundo decisão do Ministério da Educação. O MEC alerta que os alunos interessados em se inscrever em graduações de curta duração (de dois a três anos e meio) devem fazer uma pesquisa para escolher a melhor alternativa. Este tipo de curso é procurado normalmente por quem já completou o ensino médio ou equivalente e quer ingressar mais rapidamente no mercado de trabalho com um diploma de nível superior.As novas divisões anunciadas pelo MEC são: alimentos, recursos naturais, linguagem e design, gestão e serviços, infra-estrutura, controle e processos, produção industrial, hospitalidade, informação e telecomunicação, ambiente e saúde. Veja as definições de cada uma e conheça os atrativos destes cursos.O secretário de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC), Eliezer Pacheco, explica que os estudantes que já fazem um curso superior de tecnologia não serão prejudicados com a nova classificação:- É importante ressaltar que as concepções da educação profissional, os princípios metodológicos e pedagógicos não serão alterados pela nova proposta.Segundo o ministro da Educação, Fernando Haddad, como as discussões sobre tecnologia estão em constante evolução, o MEC detectou a necessidade de mudar a organização dos cursos.- Esta proposta busca aperfeiçoar a classificação anterior fundamentando-se no conceito de tecnologia e articulando-o com os saberes científicos e a atividade laboral presente nas propostas educacionais dos mesmos - afirma Haddad.As áreas anteriores eram agropecuária, artes, comércio, comunicação, construção civil, design, geomática, gestão, imagem pessoal, informática, indústria, lazer e desenvolvimento social, meio ambiente, mineração, química, recursos pesqueiros, saúde, telecomunicações, transportes e turismo e hospitalidade.Sugestões sobre os cursos podem ser enviadas por e-mail- A educação tecnológica é considerada uma graduação superior, cujo diploma habilita o aluno para concursos de nível universitário e para programas de mestrado e doutorado. É uma opção para quem não quer cursar uma graduação mais longa, um bacharelado tradicional - acrescenta a coordenadora-geral de Avaliação da Educação Profissional e Tecnológica do MEC, Andréa Andrade.Durante 30 dias, instituições que oferecem cursos de educação profissional e tecnológica e de ensino superior, entidades representativas de classe, especialistas, pesquisadores e comunidade em geral poderão enviar para o e-mail eixostecnologicos@mec.gov.br contribuições para a proposta apresentada pelo MEC.

Mais Sobre Cultura

Forte Príncipe da Beira está entre as 18 fortificações brasileiras candidatas a patrimônio da humanidade reconhecido pela Unesco

Forte Príncipe da Beira está entre as 18 fortificações brasileiras candidatas a patrimônio da humanidade reconhecido pela Unesco

 Nos dias 9 e 10 de julho uma equipe técnica do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em Brasília fará uma visita ao Forte Pr

O ZÉ E O SALÁRIO MÍNIMO - Por Humberto Pinho da Silva

Não sei se já vos falei do Zé. Conheci-o desde menino, dos bancos do liceu.

Escritora lança livro que conta a história dos bairros de Porto Velho

Escritora lança livro que conta a história dos bairros de Porto Velho

O lançamento do livro contou com o apoio da Prefeitura

Funcultural realiza o Som Livre

Funcultural realiza o Som Livre

De acordo com o presidente da Funcultural, Fernando Ocampo, o Som Livre será realizado quinzenalmente, de forma itinerante, em vários espaços da cidad