Porto Velho (RO) sábado, 7 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Fabiano Barros

Peça “Onde Morrem os Pássaros?” estreia neste sábado (09)


Peça “Onde Morrem os Pássaros?” estreia neste sábado (09) - Gente de Opinião

Dirigida por Fabiano Barros, a peça “Onde Morrem os Pássaros?” contemplada pelo prêmio Sesc de Incentivo às Artes Cênicas 2019, e realizada pela Cia de Artes Fiasco, estreia neste sábado (09), às 20h no Teatro 1 do Sesc Esplanada em Porto Velho.

Estrelando os atores Laura Martins e Nestor Neto, o espetáculo propõe por meio de uma atuação sem palavras estabelecer uma reflexão sobre a solidão humana a partir de uma encenação imagética ao qual apresenta um delicado universo representado por uma esfera depressiva e vazia.

O roteiro apresenta a vida de um homem que vive em uma espécie de loop infinito, repetindo incansavelmente sua rotina afundado em uma tristeza e depressão profunda, até receber uma visita inesperada, que tenta por meio de pequenas interferências resgatar uma felicidade que já não existe.

Todo o projeto conta com a produção da Cia Clandestinos, a dramaturgia sonora é de Rinaldo Santos, a exposição de artes plásticas fica por conta de Flávio Dutka, já os textos poéticos são do Poeta Binho e da bailarina Mariângela Onofre que serão transformados em um catálogo após a realização da circulação.

A peça “Onde Morrem os Pássaros?” além da capital, será apresentada nas cidades de Ariquemes, Ji-Paraná, Rolim de Moura e Vilhena, possui classificação indicada de 12 anos e a entrada é franca, contanto também com apresentações exclusivas para os deficientes auditivos.


Sobre o Prêmio SESC de Incentivo às Artes Cênicas

O Prêmio SESC de incentivo às artes cênicas 2019, tem o objetivo de incentivar a montagem de espetáculos e posteriormente a circulação nas unidades do Sesc Rondônia, bem como desenvolvimento de ações formativas, apoiando o desenvolvimento cultural do estado.


Sobre a Cia de Artes Fiasco

A Cia de Artes Fiasco vem se dedicando desde 2001 às pesquisas nas artes cênicas. Apoiando-se nas mais diversificadas experimentações, focando os trabalhos na realidade das pessoas, desenvolvendo uma investigação sustentada nos vários cenários que aborda desde o cotidiano aos específicos como experiências particulares que vai desde simples estórias até fatos impetuosos à integralidade humana.

“Onde Morrem os Pássaros?” começa a circular no dia 09 de novembro e será finalizada com uma oficina de teatro em Ji-paraná no dia 25 no teatro Dominguinhos:


Porto Velho


09 e 16 – Teatro 1 do SESC Esplanada – às 20h


15 – Taberna das Artes – às 17h e 20h


Ariquemes


17 – Auditório do SINTERO – às 20h


Ji-Paraná


18, 19 e 20 – Teatro Dominguinhos – às 20h


19 – Teatro Dominguinhos – às 16h


Rolim de Moura


21 – Auditório da FAROL – às 15h e 20h


Vilhena


22 – Auditório do IFRO – às 17h e 20h


Contatos:

69 – 99388 – 0709

Galeria de Imagens

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Fabiano Barros

Pinóquio e Gepeto ao Sabor do Vento:  Coletivo Piauy Estúdio das Artes

Pinóquio e Gepeto ao Sabor do Vento: Coletivo Piauy Estúdio das Artes

Na literatura, podemos entender que os clássicos, são obras primas que ultrapassam seu tempo, e se perpetuam no imaginário do coletivo, possibilitando

Poema Sonoro Palavr(arma)dura - Tatamirô Grupo de Poesia

Poema Sonoro Palavr(arma)dura - Tatamirô Grupo de Poesia

Minúsculas raízes emaranhadas de alguns tubérculos e de outras plantas, que se entrelaçam, formando um conjunto complexo de elementos que estão ligado

Miolo de Pote em Cantigas e Versos - Canções e causos encenados e cantados pela artista Lília Diniz

Miolo de Pote em Cantigas e Versos - Canções e causos encenados e cantados pela artista Lília Diniz

Sesc Amazônia das ArtesAo longo de sua história, o Sesc se estabeleceu como espaço de acolhimento e salvaguarda da cultura e tradição nacional, conseg

Negra Mari: "A não tão grande Outra"

Negra Mari: "A não tão grande Outra"

O Sesc Amazônia das Artes além de fomentar a circulação de obras de artistas, busca também a formação e o intercambio entre os artistas que participam