Porto Velho (RO) sexta-feira, 19 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

Aulas na rede estadual iniciam nesta segunda


O Governo do Estado iniciou nesta segunda-feira (18) o ano letivo para cerca de 260 mil alunos de 402 escolas (23 delas indígenas), nos 52 municípios rondonienses. De acordo com o secretário da Educação, professor Edinaldo Lustoza, por determinação do governador Ivo Cassol, todas as medidas estão sendo adotadas para que seja garantida educação de qualidade às crianças e adultos com idade escolar, começando pela ampliação das escolas, reforma, construção e reconstrução em todos os municípios.

Além disso, o secretário destacou que o Governo, por meio da Secretaria da Educação (Seduc), está realizando um dos maiores concursos públicos para a contratação de 3.740 professores, dos quais 1.693 serão convocados de imediato para cumprirem carga horária de 40 horas semanais, nas áreas de biologia, educação física, educação religiosa, física, geografia, informática, história, línguas portuguesa, inglesa e espanhola, matemática e química; e outros 457 para 25 horas semanais nas séries iniciais, o que requer o curso de licenciatura plena em pedagogia. “Vale ressaltar que 10% dessas vagas são para portadores de necessidades especiais”, disse o secretário, acrescentando que outros 707 profissionais da Seduc, dos quais mais de 400 professores, que estavam à disposição das Prefeituras, estão sendo convocados para retomarem suas funções no Estado.

Entre os benefícios implementados pelo Governo do Estado, por meio da Seduc, Edinaldo Lustoza citou a construção de uma escola indígena, contendo 10 salas de aula, no distrito de Surpresa, município de Guajará-Mirim, que foi motivo de elogios por parte do Ministério Público Federal, em função dos equipamentos disponibilizados; anunciou para breve mais cinco salas de aula no distrito de Jaci-Paraná, região de Porto Velho, entre outras reformas realizadas em mais de 70 instituições de ensino nos últimos meses.

“Todas as medidas estão sendo adotadas pelo Estado para garantir aos alunos educação gratuita e de qualidade, em conformidade com a lei, incluindo-se o transporte dos que moram na zona rural, que este ano custará cerca de R$ 22 milhões, enquanto no ano passado os convênios assinados com os municípios foram da ordem de R$ 18,6 milhões”, informou o secretário.

Até esta segunda-feira, conforme a Gerência de Convênios da Seduc, apenas as prefeituras de Itapuã dos Oeste, Jaru, Ji-Paraná, Santa Luzia, Presidente Médici, Cacoal, Ouro Preto do Oeste, Chupinguaia, Nova Mamoré, Ariquemes e Campo Novo não havia assinado o plano de trabalho com a Seduc, enquanto o processo dos demais municípios encontrava-se com o governador, na Procuradoria Geral do Estado ou Superintendência Estadual de Licitação (Supel).

Fonte:

Mais Sobre Cultura

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

O Grupo de Teatro Wankabuki, de Vilhena (RO), realizará entre os dias 17 e 26 de outubro uma série de apresentações da peça “À Margem” nos municípios

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Na tarde de quinta-feira (11), o Professor Aleks Palitot visitou a Escola Municipal de Educação Infantil Prof.ª Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na Zona

SESC abre inscrições para exposição  e oficina de fotografia em Porto Velho

SESC abre inscrições para exposição e oficina de fotografia em Porto Velho

A exposição será realizada na rua Euclides da Cunha, com inscrições e impressões gratuitas no formato lambe-lambe