Porto Velho (RO) segunda-feira, 26 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Silvio Santos

Lenha na Fogueira com o recurso da Lei Aldir Blanc e o Museu Rondon em Vilhena


Lenha na Fogueira com o recurso da Lei Aldir Blanc e o Museu Rondon em Vilhena - Gente de Opinião

Lenha na Fogueira

 

Ta chegando a hora dos artistas que estão impossibilitados de trabalhar e defender o sustento de suas famílias, meterem a mão na “bufunfa”.

************

Estou me referindo ao auxilio emergencial da cultura, que cada artista que passar pelo crivo da Controladoria Geral do Estado, fará jus. O recurso que será repassado em três parcelas de R$ 600,00 cada.

***********

Segundo postagem do superintendente da Sejucel Jobson Bandeira, em suas redes sociais que pretende pagar os artistas os artistas contemplados com os recursos do auxílio emergencial de apoio à cultura, na próxima semana.

************

 

Segundo ele, a Assembleia Legislativa (ALE) já aprovou o projeto de lei criando dispositivo na legislação que instituiu o Fundo Estadual de Cultura (FEC), responsável em gerir o recurso da Lei Aldir Blanc, para que o FEC faça transferência financeira para pessoas físicas em momentos de calamidade pública.

*********** 

“Estamos esperando apenas a publicação no Diário Oficial, assim como o aval da Controladoria Geral do Estado, que está analisando os cadastros dos artistas”, declarou. O valor repassado ao Estado é de R$ 18.390.

**********

Na coluna de ontem falei sobre essa possibilidade, pois com a publicação feita pela Funcultural afirmando, que as análises dos Espaços Culturais devem terminar no dia 20, ou seja, na próxima terça feira dia 20 e então a Funcultural através do Fundo Municipal de Cultura aí começar a fazer o repasse entre 3 e 10 MIL REAIS.

***********

Devemos lembrar, que o governo federal já depositou na conta do Fundo Estadual de Cultura e no Fundo Municipal de Cultura os valores que serão repassados aos artistas e aos espaços culturais.

***********

Quero dizer que a grana está na conta do governo e da prefeitura de Porto Velho e creio, que nas contas dos Fundos de Cultura dos demais municípios de Rondônia.

**********

Em virtude da burocracia, muitos estavam com a ‘pulga’ atrás da orelha, desconfiando que o dinheiro só sairia quando a Pandemia terminasse.

***********

Felizmente, tanto a equipe da Sejucel comandada pela Carmélia e da Funcultural comandada pelo Ocampo não mediram esforços para que os órgãos fiscalizadores e controladores aprovassem as diretrizes que autorizam os repasses aos artistas e espaços culturais.

***********

Depois disso, vamos ficar esperando a publicação dos Editais, tanto pela Sejucel como pela Funcultural, assim como os Prêmios que serão criados para premiar Projetos Culturais.

**********

Uma coisa é certa, antes da realização do primeiro turno das eleições para prefeito e vereadores a grana estará na conta dos artistas e dos espaços culturais.

***********

Aproveito para encerrar a coluna de hoje, parabenizando minha sogra Nazaré Silva pelo seu aniversário. PARABÉNS NAZA!


CASA HISTÓRICA

Obra de revitalização do Museu Rondon em Vilhena fortalece a história e o turismo do Estado

Lenha na Fogueira com o recurso da Lei Aldir Blanc e o Museu Rondon em Vilhena - Gente de Opinião

No entorno, as marcações no chão e o erguimento de novas paredes indicam as novas construções que vão compor o cenário


O cuidado com a história de Rondônia fez o Governo intensificar os esforços para a obra de revitalização do Museu Marechal Cândido Rondon, popularmente conhecido como a Casa Rondon, em Vilhena. Cumprindo agenda no Cone Sul do Estado, o governador, coronel Marcos Rocha, acompanhando do superintendente Estadual de Turismo (Setur), Gilvan Pereira, verificou na quinta-feira (15) o andamento dos trabalhos iniciados em junho.

‘‘Esse é um local histórico e nós o estamos resgatando. Faz parte da lembrança de muitos adultos de Vilhena que quando crianças frequentavam esse lugar, e guardam boas lembranças, momentos felizes. E nós vamos fazer esse local ser maravilhoso novamente. Não só para o povo de Vilhena, mas para todos que tiverem interesse em visitar o local onde Rondon trabalhou com o telégrafo ’’, afirma o governador.

Toda parte do museu está sendo revitalizada preservando a originalidade das estruturas

A casa localiza-se em local bucólico, cercada pelo verde e árvores, remetendo às boas lembranças de um passado cheio de coragem e determinação pela integração do Norte e desbravamento da região, afinal Rondon foi incumbido da importante missão de instalar linhas telegráficas em meio uma terra até então pouco explorada. Das suas estações, sugiram povoados que mais tarde se transformaram em cidades, como é o caso de Vilhena.

‘‘Isso representa o fortalecimento do turismo no município de Vilhena. É uma revitalização histórica e cultural. É uma obra de R$ 505 mil de recurso do Governo (estadual) e do Ministério do Turismo’’, explica o superintendente Gilvan.

Lenha na Fogueira com o recurso da Lei Aldir Blanc e o Museu Rondon em Vilhena - Gente de Opinião

Em reconhecimento a esse passado, o museu abriga elementos da história transcorrida nos primeiros anos de 1900. Toda parte do museu está sendo revitalizada preservando a originalidade das estruturas. No entorno, as marcações no chão e o erguimento de novas paredes indicam as novas construções que vão compor o cenário.

No pátio, a obra envolve pavimentação de dois mil metros quadrados, com acessibilidade, bicicletário, plantio de pelo menos 20 árvores nativas, implantação de oito bancos de concreto, entre outros feitos. Também será construído um bloco administrativo com uma área de 72 m² e vai conter seis banheiros, uma sala administrativa, cozinha e lanchonete. Quando estiver pronto, o museu ficará na responsabilidade da Fundação Cultural de Vilhena. (fonte; SECOM). 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Silvio Santos

Lenha na Fogueira com a Iluminação Pública e a Lei Aldir Blanc

Lenha na Fogueira com a Iluminação Pública e a Lei Aldir Blanc

Lenha na Fogueira Enquanto o povo da cultura, festeja a publicação pelo governo estadual via Sejucel, dos Editais de Auxilio Emergencial a Cultura, co

Lenha na Fogueira com a Lei Aldir Blanc e  a Live do Boi-bumbá Diamante Negro

Lenha na Fogueira com a Lei Aldir Blanc e a Live do Boi-bumbá Diamante Negro

Lenha na Fogueira LEI ALDIR BLANC – Lei de emergência cultural em Rondônia. A Sejucel lançou na tarde de ontem os Editais que socorrerão a cultura em

Lenha na Fogueira com a Lei Aldir Blanc e o Dia dos Finados

Lenha na Fogueira com a Lei Aldir Blanc e o Dia dos Finados

Lenha na Fogueira Funcultural de Porto Velho, publica o primeiro Edital de Chamada Pública cujo recursos são de origem da Lei Aldir Blanc.***********A

Lenha na Fogueira com a Seresta Cultural Virtual e o Livro sobre o Mundo pós-pandemia

Lenha na Fogueira com a Seresta Cultural Virtual e o Livro sobre o Mundo pós-pandemia

Lenha na Fogueira Governo estadual abre Concorrência Pública Nº 004/2020/CEL/SUPEL/RO PROCESSO ELETRÔNICO N° 0038.034863/2020-13 OBJETO:***********Con