Porto Velho (RO) quinta-feira, 28 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Silvio Santos

Lenha na Fogueira com a Lei do Turismo aprovada para execução e a seleção der curadores culturais em Rondônia


Lenha na Fogueira com a Lei do Turismo aprovada para execução e a seleção der curadores culturais em Rondônia    - Gente de Opinião

Lenha na Fogueira

 

 

A Federon em parceria com a Unajup está empenhada na programação que vai acontecer, nos dias 21 e 22 (sábado e domingo), direta do Mercado Cultural, que vai reunir grupos de Quadrilha e Boi Bumbá num show em homenagem ao Dia do Folclore.

**********

Assim sendo a secretaria das entidades organizadoras do evento solicitam aos presidentes dos grupos que irão participar da Live do “Arraial da Imperatriz”, que enviem ou entreguem na sede da Federon, um breve histórico de suas agremiações, até sexta-feira, dia 20, para ser lido antes das apresentações.

**********

LEI DO TURISMO APROVADA PARA EXECUÇÃO

**********

Terça-feira (17), o Governo do Estado de Rondônia por meio da Superintendência Estadual do Turismo apresentou o Projeto de Lei do Turismo, que foi aprovada pela Assembleia Legislativa para dar continuidade as ações, gerando grandes avanços para o setor, o que possibilita o desenvolvimento do turismo a partir da normatização da atividade turística.

***********

O presidente da Federon Fernando Rocha, publicou no início da noite de ontem a seguinte nota:

***********

Venho aqui atendendo um pedido do presidente da Funcultural, Senhor Marcio Miranda, que solicita aos grupos que irão se apresentar nos dias 21 e 22, para que não leve sua torcida, nem o restante do grupo, para evitar aglomeração.

**********

Como o evento será transmitido através da Live, todos podem assistir em casa, ou em locais apropriados dentro da própria comunidade, nós na FEDERON e UNAJUP, solicitamos que os senhores leve essa orientação para os seus grupos, obrigado pela compreensão. Tenham todos uma ótima noite.

**********

Em parte, concordo com o presidente da Funcultural, minha dúvida é: Porque nas demais atividades culturais que acontecem no Mercado Cultural durante toda semana.

**********

E tem mais, o evento que vai reunir alguns grupos folclóricos de Porto Velho que na realidade, foram contemplados por editais da própria Funcultural, tem que se apresentar com o espaço praticamente vazio, lembrando que toda vez que grupos folclóricos se apresentam no Calçadão Manelão são colocadas grades que separam o público dos dançarinos, portanto, não vejo motivo para a não participação de plateia nas apresentações folclóricas que vão acontecer nos dias 21 e 22 no Mercado Cultural.

***********

Tá certo que os grupos devem recomendar suas torcidas, assistir ao show em casa.

**********

Enquanto isso, a grande pedida deste final de semana, é o show do Jorginho do Império que vai acontecer nesta sexta feira, durante a Fina Flor do Samba no Mercado Cultural.


Governo lança 2ª edição de edital para selecionar curadores culturais em Rondônia

Lenha na Fogueira com a Lei do Turismo aprovada para execução e a seleção der curadores culturais em Rondônia    - Gente de Opinião

Em busca de mais uma vez apoiar a classe artística do Estado, o Governo de Rondônia, por meio da Superintendência da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), publicou nesta quarta-feira (17), o Edital nº 27/2021 com a 2ª edição do Maestro Alkbal para credenciamento e seleção de curadores que irão atuar na seleção de projetos inscritos nos futuros editais que serão lançados pelo Governo em Rondônia. O prazo de inscrição encerra no dia 01 de setembro.

De acordo com o superintendente da Sejucel, Jobson Bandeira, “o edital tem abrangência nacional na modalidade chamamento público e prevê a seleção de 100 (cem) curadores que ficarão à disposição da Sejucel com a formação de cadastro reserva para avaliação e seleção de projetos dos futuros editais, incluindo a curadoria aos editas da Lei Aldir Blanc, podendo ser convocados a qualquer momento para a prestação do serviço. Para essa seleção estamos usando recursos do Fundo Estadual de Cultura (FES), na ordem de R$ 400 mil”, salientou o superintendente.

 

PRE-REQUISITOS

 

Superintendente explica que a Sejucel vai usar recursos do FES, na ordem de R$ 400 mil

Podem se inscrever pessoas físicas e jurídicas, incluindo microempreendedor individual (MEI), residentes e domiciliados em todo o território nacional, para exercerem atividade de análise, emissão de parecer técnico e atribuição de notas para os projetos e propostas inscritos nos editais de premiação da Sejucel.

A seleção dará prioridade, primeiramente, aos curadores culturais residentes no estado de Rondônia e, caso não haja o número de curadores necessários e não havendo o preenchimento das vagas, serão selecionados curadores da Região Norte, em seguida das demais Regiões do Brasil, até compor o número necessário de membros por comissão, que será determinado pela Sejucel. A comissão de curadores culturais, nos editais que atenderão aos Povos Tradicionais Quilombolas e Indígenas, também será composta por curadores culturais quilombolas e indígenas, que deverão apresentar a autodeclaração, conforme prevê o edital.

O candidato a vaga de curador deve ter, no mínimo, dois anos de atuação comprovada na área para a qual pretende se credenciar, que inclui música, artes cênicas, literatura e letras português, audiovisual, artes visuais, culturas populares tradicionais e indígenas, patrimônio cultural material e imaterial, cultura afro-brasileira, artesanato, gastronomia, fotografia, moda e designer, gestão e produção cultural. Ainda estão entre as atribuições dos curadores está a indicação dos projetos de destaque para que sejam futuramente condecorados com “Menção Honorífica” pela Sejucel.

DAS INSCRIÇÕES

As inscrições gratuitas que iniciaram nesta quarta-feira (18) exclusivamente via internet, através do endereço eletrônico: Sistema de Apresentação de Propostas Culturais – SAP, encerram às 23h59min do dia 01 de setembro, conforme o cronograma de execução do edital. Esta 2ª edição Maestro Alkbal do Edital de Credenciamento e Seleção de Curadoria visa atender os editais do Estado de Rondônia está previsto na Lei nº 14.017/2020 (Lei Emergencial de Abrangência Nacional).

MAESTRO ALKBAL

José Alkbal Sodré nasceu em Porto Velho, dedicou sua vida à produção musical de artistas da Capital e se tornou conhecido como músico profissional e professor nas escolas de música. Por algum tempo, coordenou a Banda do Vai Quem Quer, participando ainda da Banda Carijó, do Galo da Meia Noite, e maestro do Quarteto dos Cobras. Ele foi o arranjador preferido pelos compositores de Porto Velho e chegou à presidência da Ordem dos Músicos de Rondônia. Começou tocando instrumentos de corda, cavaquinho, violão, banjo, contra baixo e piano. Em seu Estúdio Verde Alkbal se tornou um dos principais nomes da formação cultural musical em Porto Velho. (Fonte - Andréia Fortini)  

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Silvio Santos

Lenha na Fogueira com o filme "O Pecado de Paula" e os Editais da Lei Aldir Blanc

Lenha na Fogueira com o filme "O Pecado de Paula" e os Editais da Lei Aldir Blanc

A Fundação Cultural do Estado de Rondônia (Funcer), realiza neste sábado (16), o ensaio para a gravação do filme em linguagem teatral "O Pecado de Pau

Lenha na Fogueira com o Museu Casa Rondon e a eleição da nova diretoria da FESEC

Lenha na Fogueira com o Museu Casa Rondon e a eleição da nova diretoria da FESEC

Entrega da obra do Museu Casa Rondon, em Vilhena.  A finalidade do Museu é proporcionar e desenvolver o interesse dos moradores pela rica história

Lenha na Fogueira com o Dia de Nossa Senhora Aparecida e o Dia das Crianças

Lenha na Fogueira com o Dia de Nossa Senhora Aparecida e o Dia das Crianças

Hoje os católicos celebram o Dia de Nossa Senhora Aparecida a padroeira do Brasil. Em Porto Velho as celebrações vão acontecer no Santuário de Apareci

Jorgiley – Porquinho o comunicador que faz a diferença no rádio de Porto Velho

Jorgiley – Porquinho o comunicador que faz a diferença no rádio de Porto Velho

Tenho uma maneira própria de medir a audiência de um programa de rádio. É o seguinte: quando o programa ecoa na rua por onde você está passando, dando