Porto Velho (RO) quarta-feira, 16 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Silvio Santos

Lenha na Fogueira: - Arraial Musical da EMJA - SETUR realiza Fórum Internacional de Turismo


Lenha na Fogueira: - Arraial Musical da EMJA - SETUR realiza Fórum Internacional  de Turismo - Gente de Opinião


Lenha na Fogueira


A 16 dias do inicio do Arraial Flor do Maracujá, e apesar de até agora os grupos folclóricos não terem recebido nenhum tostão, dos valores

**********

Não param de investir em suas apresentações. Quem frequenta o Parque dos Tanques, futura Cidade da Cultura, pode constatar o que estou dizendo.

**********

Vários grupos estão confeccionando alegorias no pátio do Parque. Olha que as alegorias que estão sendo confeccionadas, impressionam pelo tamanho.

**********

Já pensou se a grana dos grupos já tivesse saído, com certeza as alegorias estavam muito mais impressionantes.

**********

Por conta do atraso do repasse, tem grupo articulando um movimento para adiar o inicio da festa, por mais alguns dias, pois, a cada dia que passa sem receber ajuda, fica mais difícil preparar as apresentações, para a data acordada entre Sejucel e Federon.

**********

Apesar de que, o governo apenas está intermediando o repasse entre uma empresa privada e os grupos, mesmo assim, como foi ele (governo), que articulou junto a tal empresa o patrocínio aos grupos, os dirigentes estão cobrando da direção da Sejucel.

***********  

Os grupos mais prejudicados nessa questão de atraso do repasse são os grupos de Bois Bumbás. Acontece que o material utilizado na confecção das indumentárias dos itens do Bumbás, não é barato não.

***********

Basta lembrar, que uma indumentária de Cunhã Poranga não fica por menos de R$ 5 MIL e a do Pajé supera esse valor. Lembrando que no estilo da fantasia da Cunhã Poranga tem a da Rainha do Folclore, Porta Estandarte, Rainha da Batucada/Marujada e a da Sinhazinha.

***********

Apesar do prometido até agora aos grupos, não passar, no caso do Bumbás, de R$ 12 MIL, podendo até chegar a R$ 16 MIL, ser muito pouco.

***********

As indumentárias dos itens não são baratas, mesmo assim, a turma se pega com tudo quanto é santo no sentido de ver o dinheiro do patrocínio em suas contas.

**********

Tô sabendo que existe grupo de Boi Bumbá com vontade de anunciar a não participação nas apresentações deste ano do Arraial Flor do Maracujá, caso a grana não seja deposita pelo menos até a próxima terça feira 16.

**********

To falando de Boi Bumbá, pois, as Quadrilhas do Grupo Especial, estão trabalhando a todo vapor. Devem ter conseguido empréstimo e por isso, passam uma suposta tranquilidade, quanto a verba para confeccionar suas indumentárias. Tanto que as alegorias que estão sendo confeccionadas no Parque dos Tanques pertencem a grupos de quadrilhas.

**********

O único grupo de Bumbá que temos conhecimento que está ensaiando a todo vapor, é o Marronzinho, to me referindo ao Grupo Especial, Não sei se o Manhoso está ensaiando la na Zona Leste.

**********

Sei que os Bois Corre Campo, Az de Ouro e Diamante Negro estão aguardando uma resposta sobre o repasse dos subsídios oriundo do patrocínio anunciado.

***********

Em virtude da falta de apoio aos grupos de Bumbás nos últimos anos, a cada Flor do Maracujá, o que assistimos, é a decadência da brincadeira de Boi Bumbá em Porto Velho.

**********

Lembro que até o inicio dos anos 2000 o meu boi Corre Campo colocava na Arena ou Curral de Dança do Flor do Maracujá, uma BATUCADA com mais de 100 ritmistas. Hoje é uma luta conseguir pelo menos os 15 do Regulamento.

***********

O Az de Ouro chegou a colocar no Flor do Maracujá mais de 500 componentes em suas Tribos e Barreiras, hoje não consegue CEM. O mesmo acontece com o Diamante Negro que se vale dos brincantes do Boi Mirim Mancha Negra (de sua família), para completar as exigências do Regulamento.

**********

Não é fácil colocar um Boi Bumbá no Flor do Maracujá, lembrando que o brincante de boi não paga nada para integrar o grupo. É tudo por conta da diretoria do bumbá. Aí fica difícil!


Lenha na Fogueira: - Arraial Musical da EMJA - SETUR realiza Fórum Internacional  de Turismo - Gente de Opinião


Arraial Musical da EMJA acontece nesta quinta 

A edição 2019 do Arraial Musical da Escola de Música Jorge Andrade - EMJA acontece nesta quinta-feira 11, às 19h, no novo prédio da escola, localizado à rua Júlio de Castilho, 1100, no bairro Olaria. “Nos últimos anos, constatamos um público de mais de mil e quinhentas pessoas que compareceram ao nosso Arraial. E, cada vez mais, vem aumentando a quantidade de pessoas que prestigia esse evento”, disse Léia Borges, diretora da escola.

A Escola Municipal de Música Jorge Andrade, há mais de 30 anos, desenvolve um trabalho voltado à educação musical básica para indivíduos em diferentes faixas etárias. Como forma de reconhecer toda a dedicação desses alunos e professores, a Jorge Andrade realiza amostras de música, proporcionando momentos de fomento cultural e integração familiar, possibilitando também o alcance e estímulo musical, para quem nunca pensou em estudar música.

NOVO PRÉDIO

A diretora destaca que, nesse ano, o arraial musical será ainda mais especial, pois será realizada a entrega oficial do novo imóvel. “Estamos em novo espaço, mais confortável, amplo, mais digno e seguro. Queremos aproveitar a oportunidade para falar às famílias de nossos alunos que trabalhamos com muita dedicação para ofertar um ensino de qualidade, como também oportunizar um espaço que realmente atenda às necessidades de todos. Enquanto nosso prédio próprio, da avenida Joaquim Araújo Lima, antiga Abunã, não tem a reforma geral concluída, estamos atendendo nesse novo local, com toda a estrutura adequada”, finalizou ela.


Lenha na Fogueira: - Arraial Musical da EMJA - SETUR realiza Fórum Internacional  de Turismo - Gente de Opinião


TURISMO

SETUR realiza Fórum Internacional de Turismo no auditório do TCE


 

Com palestras de Lorena San Román Johanning (Costa Rica) e Milagros Ochoa (Peru), entre outras, o governo do estado de Rondônia por meio da Superintendência Estadual de Turismo – SETUR realiza a partir das 14 horas desta quarta feira, no Auditório do Tribunal de Contas, à avenida Presidente Dutra bairro Pedrinhas, o I Fórum Internacional do Turismo de Rondônia.

De acordo com o Superintendente de Setur Gilvan Pereira o Fórum tem como objetivo, trazer novas experiências de desenvolvimento e sustentabilidade, inteligências de crescimento e impulsionamento de mercado para o Estado de Rondônia. “Por isso, apresentamos em sua programação a participação de parceiros como o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac, Associação Brasileira de Agências de Viagem (Abav) e Associação Brasileira das Locadores de Automóveis (Abla), além de empresários do ramo de gastronomia, e as palestrantes Milagros Ochoa diretora do Escritório de Turismo do Peru e Lorena San Román Johanning consultora internacional em Desenvolvimento Sustentável da Costa Rica” lembra Gilvan.  

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas no Sympla.

A realização é do Governo do Estado de Rondônia por meio da Superintendência Estadual de Turismo (Setur), Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Tribunal de Contas do Estado (TCE), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e Federação do Comércio do Estado (Fecomércio), O fórum vem trazer maior visibilidade ao turismo, com empresários, pessoas envolvidas na área de comércio e restante do trade turístico. Vamos falar dos projetos e iniciativos que temos com políticas públicas para engrandecer e avançar com o turismo”, afirmou o superintendente da Setur, Gilvan José Pereira Júnior.

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas no Sympla

 

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO

 

Quarta-feira – 10/07

14h – Abertura

14:30 – Viaja mais servidor – Superintendente Gilvan Pereira

15h – Apresentação das associações / Apresentação Fhising Club / Porto Velho Sport Fishing

16h – Intervalo

16:30 – Talk show

17:30 – Case de sucesso – Instituto Gastronômico das Américas – Vice-cônsul da Itália – Peixin Restaurante

18:30 – Intervalo

19h – Cerimonial de abertura com autoridades – Vídeo do Turismo

19:20 – Palestra: Milagros Ochoa (Peru)

20h – Palestra master: Lorena San Román Johanning (Costa Rica)

21h – Talk show. 

Lorena San Román Johanning (Costa Rica) - Gente de Opinião
Lorena San Román Johanning (Costa Rica)

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Silvio Santos

Lenha na Fogueira + Qual o primeiro bairro de Porto Velho? + Abertura do V Festival UNIR Arte  e Cultura

Lenha na Fogueira + Qual o primeiro bairro de Porto Velho? + Abertura do V Festival UNIR Arte e Cultura

 Como dissemos, o Arraial Flor do Maracujá 2020, já está na pauta de discussão dentro da Sejucel.**********Segunda feira dia 14, à noite, no auditório

Lenha na Foguira + Quintal do Dom e o show de Alciréa Tabosa + Cremero prepara comemoração ao Dia do Médico

Lenha na Foguira + Quintal do Dom e o show de Alciréa Tabosa + Cremero prepara comemoração ao Dia do Médico

 De hoje a três dias, os representantes  das Setoriais de Cultura e os delegados dos municípios de Rondônia, vão se reunir na cidade de Cacoal durante

O homem de Nazaré agora é  Patrimônio Imaterial Cultural + Tudo pronto para a grande festa das crianças

O homem de Nazaré agora é Patrimônio Imaterial Cultural + Tudo pronto para a grande festa das crianças

Lenha na Fogueira As discussões sobre a realização do Arraial Flor do Maracujá 2020, já começaram e estão a pleno vapor.**********Tudo indica que o Jo

Lenha na Fogueira + 20 anos sem João Cabral de Melo Neto + Base Aérea de Porto Velho  realiza Portões Abertos

Lenha na Fogueira + 20 anos sem João Cabral de Melo Neto + Base Aérea de Porto Velho realiza Portões Abertos

Lenha na Fogueira   O próximo grande evento cultural, será a Conferencia Estadual de Cultura que está marcada para começar no próximo dia 18, no Cacoa