Porto Velho (RO) quinta-feira, 27 de junho de 2019
×
Gente de Opinião

Silvio Santos

Bainha 69 anos de idade e quase 50 de samba


Bainha 69 anos de idade e quase 50 de samba - Gente de Opinião

Waldemir Pinheiro da Silva conhecido no mundo do samba como BAINHA, completa na data de hoje, 69 anos de nascimento. Seu amigo e parceiro Antônio Chagas Campo o Cabeleira, no intervalo da festa que vai escolher o samba enredo da escola de samba Acadêmicos do Armário Grande para o carnaval de 2008, que acontece hoje a partir do meio dia no Ypiranga, presta homenagem ao sambista que foi um dos fundadores juntamente com ele (Cabeleira) da Escola de Samba Diplomatas do Samba em 1958. Bainha nasceu no dia 11 de agosto de 1938 no Real Forte Príncipe da Beira quando aquela região pertencia ao estado de Mato Grosso, ainda jovem veio para Porto Velho onde mais tarde ajudou a fundar a escola de Samba "Prova de Fogo" hoje Diplomatas do Samba, Compositor esmeradíssimo de samba enredo e outros ritmos, Bainha após passagem pela escola de samba Pobres do Caiari, findou juntamente com outros carnavalescos a escola de Samba "Mocidade Independente do KM-1", foi também um dos fundadores da escola de samba Unidos da Castanheira, da escola de samba Unidos da Nova Porto Velho e até em Ji-paraná ajudou a montar escola de samba.
No carnaval de 2004 Bainha foi homegeado pela escola Diplomatas do Samba que contou sua história na avenida através do samba enredo composto por Oscar, Zé Baixinho e Felício e "Pintando o Sete a Diplomatas traz Bainha - Maior Estrela dos Nossos Carnavais" interpretado pelo Walfredo da Esquina

Bainha 69 anos de idade e quase 50 de samba - Gente de Opinião

Mestre bateria dos melhores foi responsável por uma gama de bons batuqueiros que ainda hoje se apresentam nas baterias das diversas escolas de samba de Porto Velho, além disso, é formador de Mestre Sala e Porta Bandeira tendo sido o responsável pelas performances de vários casais como Cabeleira e Glaides, Babá e Neguinha e tantos outros.
Respeitado por todos os sambistas, Bainha é considerado o mestre dos mestres do samba em Porto Velho. Parabéns meu amigo e parceiro BAINHA! 
 
Fonte: zekatraca@diariodaamazonia.com.br

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Silvio Santos

Junina Balão de Prata abre  Arraial da Amizade hoje - EMJA abre inscrições para curso  de canto e flauta para adulto

Junina Balão de Prata abre Arraial da Amizade hoje - EMJA abre inscrições para curso de canto e flauta para adulto

Lenha na Fogueira Saiu à prévia da programação da ordem de apresentações dos grupos folclóricos, no 38º Arraial Flor do Maracujá publicada pela Feder

Livro na ponta da língua  será relançado - Bumbódromo de Parintins recebe últimos reparos

Livro na ponta da língua será relançado - Bumbódromo de Parintins recebe últimos reparos

Lenha na Fogueira Numa roda de conversa quarta feira passada, justamente no Tacaca Musical (hoje tem), no Mercado Cultural, o papo tomou o rumo de qua

Plano Municipal de Cultura  Começa a ser discutido - Arraial Flor do Maracujá pode ter  Público recorde este ano

Plano Municipal de Cultura Começa a ser discutido - Arraial Flor do Maracujá pode ter Público recorde este ano

Lenha na Fogueira A direção e todos os integrantes do Grupo Teatral Êxodo, ainda estão festejando o sucesso de público, no retorno da peça O Homem de

Pedro Ribeiro da Silva:  Histórias do pipoqueiro da Catedral de Porto Velho

Pedro Ribeiro da Silva: Histórias do pipoqueiro da Catedral de Porto Velho

Sou frequentador assíduo da missa da 18 horas de domingo, na Catedral do Sagrado Coração de Jesus e também dos eventos culturais que acontecem no Sesc