Porto Velho (RO) sábado, 25 de junho de 2022
×
Gente de Opinião

Silvio Santos

A POLÍTICA EM 1962 - Os eleitores de Renato Medeiros em Guajará Mirim


A POLÍTICA EM 1962 - Os eleitores de Renato Medeiros em Guajará Mirim - Gente de Opinião 

 

Por Silvio M. Santos


Apesar do colunista Antonio Serpa do Amaral – Bazinho e o jornalista documentarista Zola Xavier estarem querendo que o episódio que ficou conhecido como “Caso da Caçamba”, acontecido durante a campanha política que escolheria o deputado federal pelo Território Federal de Rondônia nas eleições de 1962 e que na realidade, pelo que sabemos, não vitimou fatalmente ninguém. Outros casos, que podemos considerar como pitorescos para não dizer trágicos, aconteceram. 

Vamos lembrar um “causo” que nos foi contado pelo saudoso Cláudio Carvalho também conhecido como Candoca, em entrevista que nos foi concedida em meados da década de 1990. 


Os dirigentes do partido que tinha como candidato a deputado federal pelo Território Federal do Guaporé o Dr. Renato Medeiros, contrataram para atuar como cabo eleitoral em Guajará Mirim um cidadão conhecido como Favacho. 

Muita gente apontava como certa a Vitório do Cel. Enio Pinheiro, candidato que contava com o apoio do Cel. Aluizio Ferreira. 

Diante disso e até porque o eleitorado de Guajará Mirim à época era considerado o divisor das águas, uma vez que, como o eleitorado de Porto Velho estava pendendo em sua maioria para o lado do candidato da facção “Cutuba”, os “Pele Curtas” não mediram esforços e jogaram praticamente todas as cartas no eleitorado de Guajará.

Tudo certo! A coordenação da campanha de Renato Medeiros marcou um grande comício, contratou ou conseguiu uma Litorina da Madeira Mamoré para levar o candidato até a Pérola do Mamoré no dia marcado para o grande comício. 

Na chegada a equipe que estava a bordo da Litorina começou a estranhar. Na estação estava o cabo eleitoral Favacho com uns quatro “gatos pingados”.

Questionado pela coordenação da campanha, ele disse que estava guardando uma grande surpresa para a hora do comício.

À noite, palanque armado, as cornetas do alto falante convocando a população para o grande comício que estava para começar e começou na hora marcada, com os correligionários influentes de Renato Medeiros em Guajará discursando. 

De vez em quando perguntavam a Favacho! Cadê o povo? E ele respondia, calma quando o Doutor Renato chegar essa praça vai estar lotada.

Chegou o momento, Dr. Renato chegou, foi aí que Favacho correu até a esquina e gritou:

“Bamos, bamos”!

E lá se vem em passeata os prováveis eleitores de Renato Medeiros arregimentados pelo cabo eleitoral Favacho. Só que o grito de guerra ecoava estranho no ouvido do candidato. A turba vinha cantando na maior “algazarra”:

Dom Renato, Dom Renato, Dom Renato, Dom Renato!

Favacho achando que estava bem na foto, foi até o palanque se apresentar ao candidato: 

- Gostou doutor?

- Gostou de que Favacho?

- Dos eleitores que consegui pro senhor?

- Que eleitor?

- Olhe aí, mais de 500 gritando seu nome!

- Esse povo é boliviano Favacho e por isso não vota em mim nem que a vaca tussa!

- Calma doutor!

Foi então que Favacho pediu que todos se calassem para logo em seguida ordenar:

Muchachos! Muchachos! Atencion!

Apresentaaaaaaaar Armaaaaaaa, Bamos, bamos!

E todos levantaram um papel que Favacho jurou de pés juntos ao Dr. Renato que era título de eleitor. 

No final do comício os eleitores saíram carregando o candidato Pele
Curta no rumo do hotel gritando:

Dom Renato! Dom Renato! Dom Renato! Dom Renato…
 


 




 

Na próxima sexta feira dia 1º de outubro vai acontecer na Casa da Cultura Ivan Marrocos um evento que já deveria ter acontecido há muito tempo.

*******

É o lançamento do livro “Diga-se de Passagem” do poeta Flávio Carneiro.

******

Flávio Carneiro é poeta de nascimento, de batismo de casamento, de inspiração de ocasião enfim, nasceu para colocar em forma de versos, devaneios, pensamentos e principalmente nossa história.

******

Com Flávio Carneiro não tem meio termo, ou é romantismo ou é desabafo.

*******

Assim juntamente com outros expoentes da causa da nossa cultura popular, criou a Mostra de Quadrilhas e Bois Bumbás e o Arraial Flor do Maracujá.

*******

Se você não sabia, vai ficar sabendo agora que foi o Flávio Carneiro depois de muita conversa que criou o “Porto Alegria” o carnaval fora de época de Porto Velho.

******

Foi o Flávio Carneiro em parceria com o poeta Mado e outros quem criou a “Revoada de Poesias”. Ao conseguir um avião “teco-teco” e sair jogando poesia pela cidade.

******

É o mesmo Flávio Carneiro que tinha como sonho que agora vai ser realizado, lançar o livro “Diga-se de Passagem”.

******

É o mesmo Flávio Carneiro que tem letras musicadas por um bocado de músicos da Amazônia como Nilson Chaves, Bado, Augusto Silveira, Binho, Sandro Bacellar e Silvio Santos.

******

Flávio que tem música gravada por um dos melhores grupos musicais da Amazônia o Raízes Caboclas.

******

Flávio Carneiro que apesar da convalescência jamais deixou de acreditar na produção cultural de Porto Velho.

*******

É o Flávio Carneiro da esposa dedicada Chiquinha e da filha querida Carol.

*******

É o Flávio Carneiro que deveria ser reverenciado por todos nós que brincamos Boi Bumbá e dançamos Quadrilha.

Pois então! Diga-se de Passagem!

******

No próximo dia 1º de outubro vamos prestigiar o lançamento desse livro na Casa da Cultura Ivan Marrocos.

******

O lançamento do livro vai contar com vasta programação cultural.

*******

Estarão se apresentando os cantores: Bado. Elisa, Ceiça, Binho, Augusto Silveira e o Duo Sandro Bacellar e Gioconda.

*******

Agenda aí. Dia 1º de outubro as 20h00 na Casa da Cultura Ivan Marrocos lançamento do livro Diga-se de Passagem do poeta Flávio Carneiro.

******

Por falar em Diga-se de Passagem!

*******

Amanhã quinta feira, vai acontecer a Alvorada para Porto Velho no Mercado Cultural.

*******

Quem vai cantar os parabéns para os 96 anos do município de Porto Velho é nada-mais nada-menos que:

*******

Os Anjos da Madrugada.

******

Diz o Tatá com aquele bordão de petista juramentado.

******

“É isso mesmo amigos e amigas”. Prá não dizer, “companheiras e companheiros”.

*******

A atividade é alusiva aos 96 anos do município de Porto Velho e reunirá muitos seresteiros da cidade, dentre eles, Os Anjos da Madrugada.

*******

Vou lá cantar meu “Porto, Velho Porto”.

******

Quinta feira também tem o 5ª Cultural do Basa com:

*******

O Duo Pirarublue e o Silvinho.

 


PALCO GIRATÓRIO

O Homem Banda toca
na Jonathas Pedrosa

A Cia. Um Pé de Dois se apresenta hoje e amanhã na praça Jonathas Pedrosa

O público infantil acompanhado de seus pais, tios e avós, tem encontro marcado com o espetáculo circense “O Homem Banda” hoje a partir das 16h00, na praça Jonathas Pedrosa.

O espetáculo da Cia, Um Pé de Dois do Rio Grande do Sul pela terceira será apresentado ao público de Porto Velho, desta feita, como atração do festival Palco Giratório coordenado pelo Sesc Rondônia que está acontecendo em Porto Velho desde o dia 1º deste mês.

A sinopse distribuída pela direção da Cia informa que: Quando ao longe se escuta um harmonioso acordeom acompanhado de chocalhos, pratos, bumbos e apitos... imagina-se que aí vem a banda! E vem mesmo, mas não uma banda comum e sim uma banda inteira orquestrada apenas por um homem só!

É ele, Maurolauropaulo quem chega... Um músico inventor, que apresenta sua profunda crise de personalidade através de um espetáculo e uma parafernália cheia de sonoridades!

Serviço
Criação e Atuação: Mauro Bruzza
Local: Praça Jonathas Pedrosa
Hora: 16h00


 

Siga o Gentedeopinião no Gente de Opinião



 Fonte: Sílvio Santos - [email protected]  
 
Gentedeopinião   /  AMAZÔNIAS   /  RondôniaINCA   /   OpiniaoTV
 Energia & Meio Ambiente   /   YouTube  / Turismo   /  Imagens da História

 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Silvio Santos

Lenha na Fogueira com o filme "O Pecado de Paula" e os Editais da Lei Aldir Blanc

Lenha na Fogueira com o filme "O Pecado de Paula" e os Editais da Lei Aldir Blanc

A Fundação Cultural do Estado de Rondônia (Funcer), realiza neste sábado (16), o ensaio para a gravação do filme em linguagem teatral "O Pecado de Pau

Lenha na Fogueira com o Museu Casa Rondon e a eleição da nova diretoria da FESEC

Lenha na Fogueira com o Museu Casa Rondon e a eleição da nova diretoria da FESEC

Entrega da obra do Museu Casa Rondon, em Vilhena.  A finalidade do Museu é proporcionar e desenvolver o interesse dos moradores pela rica história

Lenha na Fogueira com o Dia de Nossa Senhora Aparecida e o Dia das Crianças

Lenha na Fogueira com o Dia de Nossa Senhora Aparecida e o Dia das Crianças

Hoje os católicos celebram o Dia de Nossa Senhora Aparecida a padroeira do Brasil. Em Porto Velho as celebrações vão acontecer no Santuário de Apareci

Jorgiley – Porquinho o comunicador que faz a diferença no rádio de Porto Velho

Jorgiley – Porquinho o comunicador que faz a diferença no rádio de Porto Velho

Tenho uma maneira própria de medir a audiência de um programa de rádio. É o seguinte: quando o programa ecoa na rua por onde você está passando, dando