Porto Velho (RO) sexta-feira, 20 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Sergio Pires

Primeira Mão - 08/11/08


 
NÃO HÁ MILAGRE NA ECONOMIA, SÓ AÇÕES SÉRIAS E SEM MALABARISMOS

Primeira Mão - 08/11/08 - Gente de OpiniãoA violenta crise econômica que assola o mundo vai chegar ao Brasil? Claro que vai. Não é preciso ser economista ou estudioso do assunto para se ter certeza que a verdadeira recessão que corrói a economia do Planeta também vai chegar por aqui. O único diferencial – e a nossa esperança – é de que os estragos sejam menores no Brasil. E por que isso? Por um fato simples: há mais de 15 anos a economia brasileira tem sido tratada de maneira séria, sem aventuras, sem pacotes mirabolantes, com responsabilidade. Some-se a isso o crescimento extraordinário da arrecadação de impostos, planejamento positivo em algumas áreas, cumprimento de prazos dos compromissos internacionais e teremos um quadro simples e objetivo sobre o porquê sofreremos – mas sofreremos menos – com a crise aguda mundial.

É importante lembrar que o Brasil começou a entrar nos eixos no curto governo Itamar Franco, quando era seu ministro da Fazenda Fernando Henrique Cardoso (foto), depois duas vezes Presidente. Eleito, Lula manteve a mesma política econômica séria e responsável, inclusive melhorando questões pontuais. Nada acontece por milagre na economia. E o Brasil, mesmo com as nuvens negras que pairam sobre nós, graças à forma como tem tratado sua economia, vai sofrer menos.

 

ESTÁ FORA

Flávio Mendonça, o homem responsável por tudo o que aconteceu no Porto Velho Shopping até agora, não está mais no empreendimento. Ele deixou a superintendência do shopping menos de uma semana depois da inauguração. O motivo da saída é mistério total.

 

BATEU FORTE

O governador Ivo Cassol, em coletiva essa semana, mostrou toda a sua contrariedade com a decisão do TRE que tentou cassar seu mandato sem dar a ele sequer chance de defesa. Cassol não economizou palavras – embora respeitosas – para dar um recado duro, dizendo que seu julgamento foi unicamente político e nunca técnico.

 

MARQUETEIROS

No programa Câmera 11, apresentado por Everton Leoni e Léo Ladeia, na TV Candelária, o assunto da cassação de Cassol foi tratado com seriedade como informação jornalística mas também com bom humor. Ladeia, por exemplo, sugeriu que os que já estavam correndo atrás de marqueteiros para a imaginada eleição de 14 de dezembro, recolhessem os flaps.

 

MUITA CALMA...

A dupla, bem humorada, também sugeriu aos que já estavam se preparando para lançar candidaturas, que poupassem o dinheiro do Lexotan, Prozac e Rivotril, aqueles remedinhos bons para controle dos nervos em época de eleição. Disputa pelo governo mesmo, só em 2010.

 

RECÉM COMEÇOU!

Para quem imaginava que a briga entre pesos-pesados como o Grupo MESA (Construtora Odebrecht à frente) e os holandeses e seus associados do grupo Enersus do Brasil (Grupo Suez e Camargo Correa à frente), se enganou feio. O caso vai é pegar fogo.

 

VAI ROLAR

O grupo que venceu a concorrência para construir Jirau decidiu mudar a obra para a Cachoeira do Inferno, doze quilômetros distantes do projeto original. O pessoal da Odebrecht e seus parceiros não engoliram a mudança e o assunto pode rolar ainda por longo tempo na Justiça.

 

BILHÕES

O que os que perderam o leilão de Jirau alegam é que o grupo vencedor conseguiu dar um preço muito mais baixo porque mudou o projeto original. E o teria feito sem que o processo de licenciamento – inclusive ambiental – fosse feito corretamente. É briga de cachorro grande. Envolvendo alguns milhões, se não bilhões de reais. 

 

HÁ DEZ MIL ANOS...

Voltando ao tema usinas, uma curiosidade. As equipes que trabalham nas áreas onde a de Santo Antonio será construída encontraram artefatos e uma urna que podem ter mais de dez mil anos. Um grupo de arqueólogos e especialistas da Unir estão estudando o material.

 

ESTUDOS

Caso comprovada a idade do material encontrado, se poderá ter uma noção mais exata dos habitantes desta área amazônica há séculos atrás. Até porque as urnas e alguns artefatos têm até alguns indícios de habilidades que não se imaginava haver naqueles tempos. E ainda no meio da selva num período de mais de oito mil anos antes de Cristo.

 

PROTESTO

A questão dos achados arqueológicos preocupa o deputado rondoniense Jesualdo Pires. Ele está denunciando que há riscos de que todas as peças sejam enviadas ao Acre. O parlamentar quer que toda essa riqueza fique aqui, sob os cuidados da Unir. Está coberto de razão.

Fonte: Sergio Pires/Gentedeopinião

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Sergio Pires

Campanha Denorex + Dívidas da Santo Antônio Energia + Raniery Coelho reeleito

Campanha Denorex + Dívidas da Santo Antônio Energia + Raniery Coelho reeleito

UMA CAMPANHA DENOREX: SÓ PARECE, MAS NÃO É! ELEIÇÃO EM RONDÔNIA TERÁ AINDA GRANDES SURPRESASOs que não são mais tão jovens, não esquecem do comercia

PL tem dois candidatos ao senado + O PAC não morreu + Atestados médicos falsos

PL tem dois candidatos ao senado + O PAC não morreu + Atestados médicos falsos

PSB CONFIRMA VINICIUS MIGUEL COMO SEU NOME PARA SER A TERCEIRA VIA NA DISPUTA AO GOVERNOPrimeiro, no Instagram do próprio candidato. Depois, na pro

Vulnerabilidade das urnas eletrônicas + Dragagem no Madeira + Salvação da pecuária

Vulnerabilidade das urnas eletrônicas + Dragagem no Madeira + Salvação da pecuária

URNAS ELETRÔNICAS: HÁ TRÊS ANOS E MEIO, PERITOS DA PF APONTAVAM VÁRIAS FORMAS DE INVADIR O SISTEMA E PEDIAM O VOTO IMPRESSO          Na verdade, o

O terror contra as mulheres + Governador fala da rondônia Rural Show + Jaru comemora com a Fimca

O terror contra as mulheres + Governador fala da rondônia Rural Show + Jaru comemora com a Fimca

O TERROR CONTRA AS MULHERES EM NÚMEROS: UM ASSASSINATO A CADA SETE HORAS E UM ESTUPRO A CADA DEZ MINUTOS          Não dá mais para empurrar com a b