Porto Velho (RO) sábado, 21 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Sergio Pires

Primeira Mão - 07/11/08


  

QUEM SE  PREOCUPARÁ COM OS MILHÕES DE NORDESTINOS POBRES?

Primeira Mão - 07/11/08 - Gente de OpiniãoUm e-mail que circula na internet merece ser divulgado, até para reflexão. Ele compara a situação dos milhões de pobres nordestinos (foto) com os pouco mais de 230 mil índios da região. Demonstra, por números e informações claras, que há mais de 10 milhões de nordestinos passando fome, sede, sem perspectiva alguma. E quantas ONGs existem por lá? O número é perto do zero. Já na Amazônia, onde há pouco mais de 20% dessa população de pobres do Nordeste, existem cerca de 100 mil ONGs atuando. A fonte pergunta: porque será? A resposta, óbvia,ela mesmo dá: o Nordeste não tem dinheiro nem riquezas. Já a Amazônia tem ouro, diamantes, nióbio, rubis, cobre, zinco, prata, madeira, plantas medicinais  e a maior biodiversidade do planeta. Então, nessa simples comparação, já dá para se entender, com mais clareza, porque tantas ONGs estrangeiras estão por aqui. E porque quase nenhuma delas luta para salvar os milhões de nordestinos que tanto precisam de apoio.

 

SÓ UM LADO?

Durou menos que um dia a sentença do TRE de cassar o mandato do governador Cassol. Numa decisão recheada de furos jurídicos, não poderia haver outro caminho. Aliás, continua repercutindo a decisão do TRE rondoniense. É daquelas que vão merecer discussão por anos a fio. Foram rejeitados todos os argumentos da defesa e aceitos todos os da acusação. Raramente se viu isso em decisões nesse nível.

 

TSE E STF

Ao se posicionar que os acusados não teriam direito de recorrer no cargo, o TRE também ignorou várias decisões do TSE e do próprio Supremo, que tem dado seguidas sentenças determinando, em casos semelhantes, para que os réus recorressem até a última instância mantendo-se em suas funções. Por isso, a liminar concedida pelo TSE a favor de Cassol foi surpresa para ninguém.

 

PELAS COSTAS

Mas o TRE quer ver Cassol pelas costas. E não quis nem permitir que ele recorresse a instâncias superiores, numa decisão complexa e cheia de contradições jurídicas, segundo os advogados de Cassol e do senador Expedito Júnior. O que será que está acontecendo?

 

MÃO PESADA

Foi fortíssima a decisão do juiz Valdeci Citon, condenando o ex-presidente da Assembléia, Carlão de Oliveira e outras pessoas do grupo ligado a ele a duras penas. É claro que ainda existem recursos mas a pesada mão do juiz de primeira instância foi de arrepiar.

 

MENSALÃO

Pena mesmo é que o mesmo não aconteça em outros processos, como os dos envolvidos no Mensalão, por exemplo. Ali, como a maioria dos processos caiu em mãos da justiça em nível federal, até agora não aconteceu nada. Todos os envolvidos continuam vivendo tranqüilos, como se nada tivesse ocorrido.

 

SEM PÍZZA

Como era de se esperar, uma CPI presidida por Jesualdo Pires não iria deixar de esclarecer muitas coisas e muito menos terminar em pizza. O deputado que propôs e comanda a CPI já anuncia que muitos esclarecimentos já existem, para explicar a misteriosa situação do preço do leite.

 

DÁ-LHE CPI!

A existência de um cartel no setor obviamente fica da vez mais claro. Mas ainda há muito que investigar sobre o que acontece com o preço do leite que sai da mão do pequeno produtor por míseros centavos e chega tão caro ao consumidor. A CPI vai fundo. Dá-lhe, Jesualdo e sua turma da CPI do Leite!

 

REELEITA

Como se previa, a turma do PT ajudou a ganhar mais uma eleição. A presidente do Sintero, Claudir da Mata, foi reeleita para mais um mandato de três anos. Os petistas trabalharam muito e conseguiram colocar sua candidata de novo à frente do poderoso sindicato. 

 

MUDANÇA TOTAL

A Prefeitura da capital vai inovar nos cemitérios. Um grande projeto, já concluído e que começa a ser executado no ano que vem, pretende transformar os dois principais cemitérios públicos da cidade e um terceiro que será implantado, em áreas verdes, gramadas, sem as sepulturas como hoje as conhecemos.

 

GRAMA E PLACA

O sistema, segundo o secretário de serviços urbanos, Jair Ramires, será semelhante aos cemitérios particulares, onde há um gramado sobre as sepulturas e apenas uma placa para identificar quem está ali sepultado. O projeto se torna realidade já em 2009.

Fonte: Sergio Pires/Gentedeopinião

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Sergio Pires

Um assassinato brutal + Governo e o salário de maio + STF usa bom senso + Crimes violentos em Rondônia

Um assassinato brutal + Governo e o salário de maio + STF usa bom senso + Crimes violentos em Rondônia

SERIA UMA LINDA HISTÓRIA DE RECOMEÇO, CASO NÃO HOUVESSE, NO CAMINHO, UM ASSASSINATO BRUTAL           Seria uma história simples, de uma mulher bras

Campanha Denorex + Dívidas da Santo Antônio Energia + Raniery Coelho reeleito

Campanha Denorex + Dívidas da Santo Antônio Energia + Raniery Coelho reeleito

UMA CAMPANHA DENOREX: SÓ PARECE, MAS NÃO É! ELEIÇÃO EM RONDÔNIA TERÁ AINDA GRANDES SURPRESASOs que não são mais tão jovens, não esquecem do comercia

PL tem dois candidatos ao senado + O PAC não morreu + Atestados médicos falsos

PL tem dois candidatos ao senado + O PAC não morreu + Atestados médicos falsos

PSB CONFIRMA VINICIUS MIGUEL COMO SEU NOME PARA SER A TERCEIRA VIA NA DISPUTA AO GOVERNOPrimeiro, no Instagram do próprio candidato. Depois, na pro

Vulnerabilidade das urnas eletrônicas + Dragagem no Madeira + Salvação da pecuária

Vulnerabilidade das urnas eletrônicas + Dragagem no Madeira + Salvação da pecuária

URNAS ELETRÔNICAS: HÁ TRÊS ANOS E MEIO, PERITOS DA PF APONTAVAM VÁRIAS FORMAS DE INVADIR O SISTEMA E PEDIAM O VOTO IMPRESSO          Na verdade, o