Porto Velho (RO) quinta-feira, 4 de junho de 2020
×
Gente de Opinião

Osmar Silva

ESSA NÃO, VIOLÃO! - Por Osmar Silva



Pois é amigo, sempre o que está ruim, pode piorar um pouco mais.  Lembram quando a Dilma aumentou de 200 mil para mais de 800 mil reais a verba do Fundo Partidário?

O objetivo era comprar os micropartidos de aluguel e estimular a criação de outros para sustentar as caducas políticas da esquerda e apoiá-la contra o impeachment. Não deu certo. Mas nos deixou uma conta que, hoje, está em torno de R$ 1 bilhão.

Mas ainda é pouco.

Agora, com o apoio do Temer, apresentam no bojo da reforma política, o Fundo de Financiamento da Democracia. Com que dinheiro? Com os nossos impostos, ora! Quanto? Só mais 6 bilhões de reais. Para quem? Para os mesmos políticos dos mesmos partidos que já contam com R$ 1 bilhão. Um nadica de nada, né?

Viu por que não tem rede de esgoto na tua nem na minha rua? Nem água em nossas torneiras?

Viu para onde vai nosso dinheiro?

Tem que ser criado um fundo partidário e de financiamento da democracia sim, mas em cada partido. Sustentado pela sua diretoria, filiados e militantes. Que trabalhem, cobrem mensalidade dos apoiadores, promovam eventos de cidadania e cobrem ingresso, façam leilões, feijoadas, estimulem doações, apresentem propostas positivas para o povo. Mas tirem a boca do peito da pátria mãe gentil. A teta virou muxiba, não estão vendo?

Quer ser candidato e não tem dinheiro? O seu partido que meta a mão no bolso. Mas deixe o dinheiro do povo para bancar os custos eleitorais da realização formal do pleito e não da campanha de cada um.

O dinheiro do povo deve ficar para a educação, para o transporte escolar, creche, segurança, saúde e para os fins sociais e constitucionais vigentes. E não para tapar o buraco deixado pela proibição do STF de financiamento empresarial em forma de caixa dois e propina.

Só porque você e eu somos contra a corrupção temos que pagar essa conta? Essa não violão! Arranja outra.
 

OsmarSilva – Jornalista – Presidente da Associação da Imprensa de Rondônia-AIRON – [email protected]

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Osmar Silva

Moro sai e o diabo dá cambalhotas

Moro sai e o diabo dá cambalhotas

O rombo no casco do navio do governo do presidente Jair Bolsonaro é grande. A saída do ministro da Justiça e da Segurança Pública, o jurista Sérgio

Mundo de ponta cabeça

Mundo de ponta cabeça

Quem imaginaria ver as praças de Roma, os bares e as gôndolas de Veneza, os cafés de Paris, os estádios e as igrejas centenárias do mundo, vazias?

Tempos estranhos no Estado burro

Tempos estranhos no Estado burro

Estamos vivendo tempos estranhos. Saímos do governo do ‘dou um tostão, levo um milhão” e embarcamos noutro que vem protagonizando várias confusões. Em

Lixo, merda e água contaminada não é ‘missão de Deus’

Lixo, merda e água contaminada não é ‘missão de Deus’

- Governar é missão de Deus! Disse o governador de Rondônia, Marcos Rocha, em recente evento público. A sentença é correta, segundo os princípios cr