Porto Velho (RO) quarta-feira, 16 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Lucio Albuquerque

CONTA-GOTAS 13/08


CAMPANHA
Começa na próxima terça-feira, 15, a campanha eletrônica. Rádios e TVs estarão dando tempo para candidatos se apresentarem. É uma oportunidade a mais que o eleitor terá para analisar propostas, mas, por favor, sem se deixar levar por shows computadorizados.
 
PEÇA
Muito boa a interpretação da dupla na peça em exibição sextas e sábados no Teatro do Sesc. "Fica comigo esta noite" trata, com humor e inteligência, um assunto sério: a perda do companheiro. O grande destaque é a sustentação que a atriz consegue dar a quase duas horas das quais, com certeza, mais de 60% do tempo ela faz um monólogo. Vale a pena ir assistir.
 
SECURA

Êi! Prefeito! Mande seu pessoal aguar o que resta dos canteiros da avenida Jorge Teixeira, e não apenas a parte com flores. Em outra administração aquela área era sempre cuisada, mesmo no mais rigoroso verão. E a população aplaudia.
 
ADMINISTRAÇÃO
O futuro presidente do Conselho Regional de Administração (AC/RO) Renné Lobo já tem programa administrativo definido. Um deles é dar maior visibilidade ao CRA - um trabalho que o atual presidente do Sinjor Marcos Grutzmacher vem realizando com sucesso.
 
RETORNO
A volta do Moto Clube ao futebol poderá motivar a que o porto-velhense tenha razões para ir ao Aluizão. Agora, uma sugestão: é difícil fazer o torcedor ir ali quando na mesma hora a TV mostra jogo do Brasileirão. Que tal a FFER colocar as partidas locais em horários fora da concorrência?
 
DIFICULDADES
Cabos eleitorais estão tendo dificuldade em "vender"  seus candidatos. "O eleitor está mais desconfiado do que nunca", foi o recado de um desses "cabos" que em conversa comigo disse que "até as caras novas" já acabam indo logo acendendo o desconfiômetro do eleitor.
 
PERFOMANCE
Pois é: quem viu o senhor Lula da Silva no Jornal Nacional deve ter tomado um susto. A entrevista mostrou que o senhor Lula da Silva é igual aos outros. Talvez pior, porque, pelo visto, andou trocando palavras. No Mercado Central, neste domingo, vários petistas disseram que até eles não gostaram. Aí vem um problema: quando essa turma não gosta eu passo a desconfiar.
 
SANGUESSUGAS
Mesmo com afirmações de segmentos da imprensa nacional, especulando com relação ao relatório da CPI, a peça assinada pelo senador Amir Lando mandou mais de 70 para o Conselho de Ética. Eu nunca gostei de especulação. Aí mais uma prova de que falar antes é risco de dizer besteira.
 
REDUTORES
A Semtran precisa, com urgência, colocar redutores de velocidade em frente à maternidade municipal. Motoqueiros e motoristas aceleram ao máximo naquele trecho, especialmente nas madrugadas, acabando com o sossego das parturientes.
 
Até outro dia, se Deus quiser!

Fonte: Lúcio Albuquerque
lucioreporter@yahoo.com.br

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Lucio Albuquerque

O país foi herdado de modo tão esculhambado

O país foi herdado de modo tão esculhambado

Uma evangélica assume um Ministério – pronto, o mundo desaba, ninguém considera seu currículo

FOGO AMIGO PODE PREJUDICAR, E MUITO, BOLSONARO

FOGO AMIGO PODE PREJUDICAR, E MUITO, BOLSONARO

Há algumas colunas anteriores escrevi que o então candidato Jair Bolsonaro tinha problemas muitos, e que não eram apenas os adversários. Citei que um

EM 1981 O ESTADO CONSTRUÍDO A MUITAS MÃOS (III) (Alguns) personagens da (anti) História de Rondônia

EM 1981 O ESTADO CONSTRUÍDO A MUITAS MÃOS (III) (Alguns) personagens da (anti) História de Rondônia

Nos dois artigos anteriores comentei sobre o fato da nossa História estar concentrada em três nomes – Rondon, Aluízio Ferreira e Jorge Teixeira, com

RO PAGA MAIOR AUXÍLIO MORADIA DO PAÍS E MARINHA DE VOLTA

RO PAGA MAIOR AUXÍLIO MORADIA DO PAÍS E MARINHA DE VOLTA

ECONOMIAO PT e aliados anunciaram que não irão à posse do Bolsonaro. Pelo menos vamos economizar por três lados: 1) sem eles o erário vai patrocinar m