Porto Velho (RO) domingo, 20 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Lucio Albuquerque

Aos 92 anos Esron recebe medalha e mais responsabilidades


O jornalista e historiador Esron Penha de Menezes, que neste dia 27 completa 97 anos de vida, dos quais 79 em Porto Velho, admitiu que o fato de ter recebido a condecoração concedida a ele pelos 50 anos de serviços contínuos prestados à maçonaria, "me dá mais responsabilidades, mas disso eu nunca tive qualquer receio".

A comenda foi outorgada pelo Grande Oriente do Brasil, sediado em Brasília de onde veio o grão-mestre adjunto para participar da cerimônia com que o historiador foi homenageado, sendo que a colocação da comenda no pescoço de Esron foi feita pelo venerável da Loja Luz e Perseverança, de Porto Velho, advogado Paulo Egídio.

Esron Menezes, que é Grau 33, o mais avançado da maçonaria, ingressou na instituição no dia 8 de julho de 1943, quando tinha 29 anos, na Loja União e Perseverança, que tinha na ocasião, como venerável o juiz de Direito José da Silva Castanheiro, sendo que durante sua trajetória Esron participou também de outra Loja, a Estudo e Trabalho.

Em sua vida maçônica Esron Menezes fez parte do grupo que fundou a escola Estudo e trabalho, que funcionou inicialmente no corredor do colégio Barão de Solimões e também da implantação do Pamos – Patronato de Menores Osvaldo Souza que durante muitos anos abrigou, numa área à altura do Km 30 da BR-364 sentido Itapoã, crianças e adolescentes que não tinham família. 

Fonte: Lúcio Albuquerque

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Lucio Albuquerque

COISAS DE (quando eu era) CRIANÇA (I) - Lúcio Albuquerque, repórter

COISAS DE (quando eu era) CRIANÇA (I) - Lúcio Albuquerque, repórter

Naquele tempo pouca gente tinha rádio em Porto Velho - conforme contaram, e contam, moradores antigos, como dona Labibe Bartholo e seu filho Walter, o

COLCHA DE RETALHOS  QUE TAL?  - CHEQUE EM BRANCO

COLCHA DE RETALHOS QUE TAL? - CHEQUE EM BRANCO

Ação política não é só votar.

O país foi herdado de modo tão esculhambado

O país foi herdado de modo tão esculhambado

Uma evangélica assume um Ministério – pronto, o mundo desaba, ninguém considera seu currículo

FOGO AMIGO PODE PREJUDICAR, E MUITO, BOLSONARO

FOGO AMIGO PODE PREJUDICAR, E MUITO, BOLSONARO

Há algumas colunas anteriores escrevi que o então candidato Jair Bolsonaro tinha problemas muitos, e que não eram apenas os adversários. Citei que um