Porto Velho (RO) domingo, 20 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Luciana Oliveira

BLOCO PIRARUCU DO MADEIRA ACERTA DETALHES DO DESFILE EM HOMENAGEM ÀS ESCOLAS DE SAMBA


BLOCO PIRARUCU DO MADEIRA ACERTA DETALHES DO DESFILE EM HOMENAGEM ÀS ESCOLAS DE SAMBA - Gente de Opinião

Em reunião na quinta-feira, 31, ficou acertado como as Escolas de Samba da capital vão se integrar ao desfile do bloco Pirarucu do Madeira no próximo dia 24.

Os dirigentes do bloco e os representantes das Escolas de Samba Armário Grande, Asfaltão, Diplomatas do Samba, Império do Samba, Rádio Farol, São João Batista e Acadêmicos da Zona Leste decidiram como vão se colocar no meio do cordão popular democrático.

A ordem é misturar as cores e a força da resistência, mas todos devem ir com a camiseta da sua escola.

Os pavilhões virão na frente, pois representam o trabalho e história da comunidade que integra uma escola de samba.

“A intenção do bloco é exaltar uma tradição que nasceu praticamente junto com a cidade de Porto Velho. Um belo desfile em conjunto num ano em que as escolas não desfilarão por falta de investimento público, é uma ação afirmativa. Só queremos fazer um desfile de paz e alegria para fortalecer a união e reafirmar nossa identidade cultural carnavalesca”, afirma o presidente Ernande Segismundo.

O desfile é no próximo dia 24 e a concentração a partir das 15 horas na Pinheiro Machado com a Rogério Weber.

O bloco não vende abadá, não usa cordas para separar foliões e a banda Puraqué toca com os pés no chão. Esse ano serão dois pequenos carros de som, pois o Pirarucu cresceu ao longo de 26 anos.

O presidente da Federação das Escolas de Samba e Entidades Carnavalescas, Reginaldo Makumbinha, agradeceu a homenagem e pediu que todos envolvam suas comunidades para exaltar a importância das escolas de samba. “A gente luta para manter viva a tradição. Nossa força está em resistir e a gente sempre acredita nos próximos anos vai se desenvolver melhor a parceria com o poder público e com a iniciativa privada.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Luciana Oliveira

Ambientalistas criticam deputado federal Kataguiri por PL que muda licenciamento ambiental

Ambientalistas criticam deputado federal Kataguiri por PL que muda licenciamento ambiental

Deputado do DEM é relator de projeto que flexibiliza emissão de licenças; ‘Deixou-se de lado o equilíbrio e o consenso para dar lugar a entendimentos

Observatório da violência contra os povos indígenas no Brasil

Observatório da violência contra os povos indígenas no Brasil

Caci, sigla para Cartografia dos Ataques Contra Indígenas, é uma plataforma que mapeia os assassinatos de indígenas no Brasil nas últimas décadas. A p

Reunião que inclui a participação de nossos ‘parentes’ no grande BAZAR DA SOLIDARIEDADE.

Reunião que inclui a participação de nossos ‘parentes’ no grande BAZAR DA SOLIDARIEDADE.

Vai ter artesanato, pintura, exposição, muita cultura indígena.

Rondônia: Aumentam invasões e perigo de conflito armado em terras indígenas

Rondônia: Aumentam invasões e perigo de conflito armado em terras indígenas

Voltamos ao território indígena Uru Eu Wau Wau, onde invasores se atrevem cada vez mais e dizem agir por estímulo dos discursos do presidente Jair B