Porto Velho (RO) segunda-feira, 18 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Candiru Madeira

Não é inveja


Não é inveja não, mas, é o fim do mundo mesmo. Não é que a tal da Atretochoana eiselti vira atração do Madeira, apesar de não ter o trabalho que o peixim tem de entrar nos buracos, só por ser rara e esquisita. Não é uma injustiça? E olhe que o nome do bicho é "cobre mole"! Aliás, me lembrou do caso das três pombinhas que subiram, subiram tentando alcançar o céu, mas, uma delas era muito lenta. Bateu na trave e caiu. Ora, se mole nem no céu entra, como pode, por aqui, ser encontrada uma mole e ter tanta propaganda? Alias, cobra que não anda não engole sapo! Cobras mesmo só os do Goró, a turma do forró do comprade Xavier, não é mulher? Não é aceitável um bicho tão disforme, uma cobra mole, logo num tempo de Olimpíadas quando até a Jacqueline, do vôlei, reconhece que “Tem que engolir o choro e ir para o pau!”. Uau! E, agora, é oficial: Diário Oficial da União não circula por causa da greve dos servidores! Ou seja, quem disse que servidor público que faz falta é o do cafézinho tá errado. Do meu lado sou mais dos que servem a malvada! Manda uma da danada!

Fonte: Candiru do Madeira
 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Candiru Madeira

A última coluna 'Candiru do Madeira' escrita por Sued Pinheiro

A última coluna 'Candiru do Madeira' escrita por Sued Pinheiro

Há dois tipos de pessoas que só fazem perguntas inconvenientes. São as crianças e os médicos. Um exemplo. O Zézinho pergunta pra mãe:- Mamãe! Por que

E o Rondinelli

E o Rondinelli Gonzalez, hein! Que cara legal! Só não se emenda. Colocou no Face que “Pra mim toda mulher é uma rainha... e o castelo dela é a cozinha

E dizem que a morte

E dizem que a morte, lá em Cuba, bateu na porta e Fidel Castro abriu. Quando viu a Horripilante com sua foice não teve dúvidas. Apontou o dedo na dire

Que alguém disse

Que alguém disse alguém disse ( e nem preciso dizer quem) que é preciso que tudo mude para nada mudar! E Rondônia e Porto Velho são o grande exemplo: