Porto Velho (RO) segunda-feira, 29 de novembro de 2021
×
Gente de Opinião

Candiru Madeira

Eu quero


Eu quero é ser invasor do MST. Além de cesta básica, ajuda pra estadia, permissão pra sexo em acampamento & outras mordomias. A coisa anda tão boa que o verão vermelho se reduziu a invadir o Ministério do Desenvolvimento Agrário! Eu também quero um salário!E o Felipe Massa, hein! Com o 13º lugar na China tá sendo saudado como o novo “Barrichelo”, ou seja, em matéria de parado o Brasil continua bem na Fórmula I. Pena que ninguém elogia o governo por isto! Só o querem pra Cristo! E, por sinal, contra o Brasil liderar as coisas ruins seu Hermínio Coelho, em Rolim de Moura, deu não o brado do Ypiranga, mas, o do Madeira: -Tô na parada e não tô de brincadeira. Aí o americano bateu no carro do mineirim e disse quando desceu pra conversar:-Hellô! E o mineirim: -Relou, ó cacete, amassou foi tudo. Bem que eu queria te amassar, minha nega, mas, do jeito que a receita anda fraca furou minha barca. O negócio é sonhar com uma meiota. Bota outra, bota!

Fonte:  Candiru do Madeira
 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Candiru Madeira

A última coluna 'Candiru do Madeira' escrita por Sued Pinheiro

A última coluna 'Candiru do Madeira' escrita por Sued Pinheiro

Há dois tipos de pessoas que só fazem perguntas inconvenientes. São as crianças e os médicos. Um exemplo. O Zézinho pergunta pra mãe:- Mamãe! Por que

E o Rondinelli

E o Rondinelli Gonzalez, hein! Que cara legal! Só não se emenda. Colocou no Face que “Pra mim toda mulher é uma rainha... e o castelo dela é a cozinha

E dizem que a morte

E dizem que a morte, lá em Cuba, bateu na porta e Fidel Castro abriu. Quando viu a Horripilante com sua foice não teve dúvidas. Apontou o dedo na dire

Que alguém disse

Que alguém disse alguém disse ( e nem preciso dizer quem) que é preciso que tudo mude para nada mudar! E Rondônia e Porto Velho são o grande exemplo: