Porto Velho (RO) quinta-feira, 20 de janeiro de 2022
×
Gente de Opinião

Candiru Madeira

Desce uma, sem bolhinhas!


Que horror! Querem prender a Paris Hilton!  É o tal do exterminador do futuro que tem horror a loirinhas!  Ainda bem que a Tininha não mora na Califórnia! Ah! Que saudades de uma boa esbórnia! Quanto tempo faz que não posso comprar uma Velho Barreiro mais! Nem precisava ser a mineira "Germana".  Me contentava com a "Reserva dos Imigrantes" do Espírito Santo, já que o papa andou nos benzendo.  Já tô com uma saudade danada do "papinha".  De tanto ver, já tava ficando íntimo.  Se demora mais um pouco já sugiro (japonês bom) trocar de traje e se adequar ao clima tropical!.  Genial mesmo foi a Luana Piovani chamar o Caetano de banana!  Não foi de Carmen Miranda não, seus infiéis!  E, agora não querem mais deixar o Wilber viajar.  O homem só queria imitar Lulex e Cassol.  É assim que se acaba com o futebol!  E, seu Neodi, o cantador de vanerão?  Vai despontando uma estrela e já crucificam quem faz umas marolinhas!  Desce uma, sem bolhinhas!

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Candiru Madeira

A última coluna 'Candiru do Madeira' escrita por Sued Pinheiro

A última coluna 'Candiru do Madeira' escrita por Sued Pinheiro

Há dois tipos de pessoas que só fazem perguntas inconvenientes. São as crianças e os médicos. Um exemplo. O Zézinho pergunta pra mãe:- Mamãe! Por que

E o Rondinelli

E o Rondinelli Gonzalez, hein! Que cara legal! Só não se emenda. Colocou no Face que “Pra mim toda mulher é uma rainha... e o castelo dela é a cozinha

E dizem que a morte

E dizem que a morte, lá em Cuba, bateu na porta e Fidel Castro abriu. Quando viu a Horripilante com sua foice não teve dúvidas. Apontou o dedo na dire

Que alguém disse

Que alguém disse alguém disse ( e nem preciso dizer quem) que é preciso que tudo mude para nada mudar! E Rondônia e Porto Velho são o grande exemplo: