Porto Velho (RO) terça-feira, 7 de julho de 2020
×
Gente de Opinião

A voz da cidadania

Afinal, é tudo culpa do Chavez mesmo!


Lendo alguns sites de noticias tenho ataques de riso ao ler o comentário de algumas pessoas. Tudo é culpa do prefeito. O cara bate o carro em alta velocidade nas obras do viaduto e é culpa do prefeito, o infeliz passa sinal vermelho e acaba com vidas inocentes e é culpa do prefeito, enfim, o trânsito está um caos e é culpa do prefeito.

As pessoas deveriam começar a olhar para os próprios erros, se o trânsito está um caos a culpa é em grande parte da população que não respeita as leis de trânsito. No âmbito político da mesma forma, pois as acusações levianas continuam. O Vice presidente da Assembleia Legislativa, Deputado Hermínio Coelho, tem pousado de bom moço fazendo diversas denúncias contra a atual administração municipal, mas alguém já parou para observar quais os motivos que o levam a isso, e as coisas que tem deixado de lado ao empregar sua energia de trabalho atacando seus adversários (amigos, até outrora)?

A nova sede da Assembleia Legislativa está sendo construída a passos de tartaruga e com indícios de irregularidades na licitação e na obra, e é de competência do Deputado tal fiscalização. Mas o que vemos é a censura sendo estabelecida contra à Rádio Cultura FM e ao jornalista Arimar Souza de Sá proibidos de divulgar noticias sobre a empresa responsável pela Obra. O Deputado está focado no executivo municipal, mas se esquece que agora é do legislativo estadual, e não se deleita nas pautas de sua competência, tais quais a isenção do ICMS para as usinas, ou a aposentadoria para ex-governadores. Agora o deputado emprega o tempo de trabalho que lhe é pago pela população em um relatório sobre as obras do viaduto que pode não dar em nada assim como a denúncia de irregularidades sobre o aluguel de máquinas por hora para a Prefeitura de Porto Velho que foi considerado regular pelo Tribunal de Contas do Estado de Rondônia. Seria louvável a atitude do Deputado, se não fosse puro jogo político.

Gostaria de convidar a todos os leitores para uma reflexão: os fins justificam os meios? Ao invés de trabalhar enquanto deputado, abandonar o mandato (o que também é um erro) e lutar pela Prefeitura honestamente ou apoiar quem desejar, vale a pena criar desavenças dentro da própria casa (Partido dos Trabalhadores) com acusações levianas, passar por cima de amizades, ser contraditório condenando pessoas a quem dava as mãos, deixando de lado suas verdadeiras obrigações?

O prefeito deve se sentir como a personagem Chavez de seu chara Roberto Bolaños, pois afinal, é tudo culpa do Chavez mesmo!!! É fato que a administração municipal tem suas deficiências como qualquer outra, porém daí a Deus o que é de Deus e a César o que é de César, até outro dia o Deputado defendia quem hoje acusa, espero que não seja da mesma forma com seus eleitores.


 

Gente de Opinião Gente de Opinião

Fonte: Renato Gomez - [email protected] / Twitter: @Renato_Gomez
Gentedeopinião / AMAZÔNIAS / RondôniaINCA / OpiniaoTV / Eventos
Energia & Meio Ambiente
/ YouTube / Turismo / Imagens da História

 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre A voz da cidadania

Vitória de Gleici rende mais de 2,6 milhões de postagens nas redes

Vitória de Gleici rende mais de 2,6 milhões de postagens nas redes

Do DCM - Segundo o colunista Ancelmo Gois, no O Globo, a final do BBB-18, vencido pela acreana Gleici Damasceno, parou a internet. Foram mais de 2,6 m

CASO DE POLÍCIA: Ato de vandalismo reincidente na Av Vieira Caula

CASO DE POLÍCIA: Ato de vandalismo reincidente na Av Vieira Caula

Caso de Polícia: Ato de vandalismo reincidente na Av Vieira Caula, no trecho compreendido entre Rio Madeira e Guaporé onde o  arremedo de cidadão arre

Sessão Azul gratuita para crianças autistas lota Cine Veneza neste feriado

Sessão Azul gratuita para crianças autistas lota Cine Veneza neste feriado

  Uma sessão de cinema diferenciada, inclusiva, com programação especial adaptada, som reduzido e ambiente à meia luz e muitas gargalhadas. Assim foi

Passeata transcorre em clima de paz em Porto Velho

Passeata transcorre em clima de paz em Porto Velho

  Passeata transcorre em clima de paz, acompanhada de longe pela PM-RO (Fotos/Luka Ribeiro)