Porto Velho (RO) quinta-feira, 13 de dezembro de 2018
×
Gente de Opinião

Amazônias - Gente de Opinião

Amazônias

Terra perdeu 60% de seus animais silvestres em 44 anos, diz relatório


Terra perdeu 60% de seus animais silvestres em 44 anos, diz relatório - Gente de Opinião

247 - O Fundo Mundial para a Natureza (WWF) divulgou nesta terça-feira (30) o 'Relatório Planeta Vivo' apontando as populações de vertebrados silvestres, como mamíferos, pássaros, peixes, répteis e anfíbios, caíram de 60% entre 1970 e 2014 por causa da ação humana. O documento é baseado no acompanhamento de mais de 16.700 populações de 4 mil espécies, com câmeras, análise de pegadas, programas de investigação e ciências participativas.

Na área do Caribe e América do Sul, os dados apontam um declive da fauna de 89% em 44 anos. América do Norte e Groenlândia sofreram as menores reduções da fauna, com 23%. Europa, Norte da África e Oriente Médio apresentaram um declive de 31%.

Um dos indicadores foi sobre o lixo plástico nos oceanos e apontou que a década de 1960 apenas 5% das aves tinham fragmentos de plástico no estômago. Atualmente, o índice é de 90%. Outro dado preocupante: em nível mundial, apenas 25% dos solos estão livres da marca do homem. Em 2050, isto cairá para apenas 10%, segundo pesquisadores.

"Preservar a natureza não é apenas proteger os tigres, pandas, baleias e animais que apreciamos (...). É muito mais: não pode haver um futuro saudável e próspero para os homens em um planeta com o clima desestabilizado, os oceanos sujos, os solos degradados e as matas vazias, um planeta despojado de sua biodiversidade", disse o diretor da WWF, Marco Lambertini, de acordo com a agência AFC.

Segundo Pascal Canfin, diretor-geral do WWF França, "o desaparecimento do capital natural é um problema ético, mas também tem consequências em nosso desenvolvimento, nossos empregos, e começamos a ver isto". "Pescamos menos que há 20 anos porque as reservas diminuem. O rendimento de alguns cultivos começa a cair. Na França, o trigo está estancado desde os anos 2000. Estamos jogando pedras em nosso próprio telhado", acrescentou.

Brasil

Por ano, uma área equivalente a 1,4 milhão de campos de futebol de área verde desaparecem do mapa por causa do desmatamento. As áreas de pastagens abandonadas em todo o país por quem cria gado equivalem a duas vezes o estado de São Paulo - 50 milhões de hectares, segundo o estudo.

"Se chegarmos a 25% do desmatamento da Amazônia – e já estamos em 20% – a gente já vai chegar ao chamado ponto sem retorno, a gente não vai conseguir recuperar o equilíbrio da floresta amazônica. Estamos perto deste limite", diz Gabriela Yamaguchi, diretora de engajamento da WWF Brasil em entrevista ao Bom Dia Brasil.

Mais Sobre Amazônias

 "A natureza não tem voz, precisa de advogados"

"A natureza não tem voz, precisa de advogados"

DEUTSCHE WELLEBerlimDurante a campanha eleitoral, o presidente eleito Jair Bolsonaro fez declarações relacionadas ao meio ambiente que preocuparam esp

Por que a descoberta do vírus Zika em macacos pode ser problema sério para o Brasil

Por que a descoberta do vírus Zika em macacos pode ser problema sério para o Brasil

Saguis e micos mortos pela população durante surto de febre amarela estavam doentes com Zika; os primatas não transmitem a doença

Meio Ambiente incorporado à Agricultura não deu certo antes, mas Bolsonaro insiste na proposta

Meio Ambiente incorporado à Agricultura não deu certo antes, mas Bolsonaro insiste na proposta

Nesses 12 anos, o trabalho da Sema foi decisivo para a criação não só de 26 reservas, estações ecológicas e outras unidades de conservação, totalizand

Sônia Guajajara alerta para “tragédia socioambiental” com Bolsonaro

Sônia Guajajara alerta para “tragédia socioambiental” com Bolsonaro

Entregar a Mãe Terra nas mãos de ruralistas gananciosos é o gatilho p/ desastres criminosos como foi o de Mariana", afirmou a líder indígena